Antônio Brochado da Rocha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Se procura pelo ex-primeiro ministro do Brasil, veja Francisco de Paula Brochado da Rocha.


Brochado do Rocha
Prefeito de Porto Alegre Porto Alegre (RS) - Brasao.png
Período de [15 de setembro de 1943
a 14 de maio de 1945
Antecessor(a) José Loureiro da Silva
Sucessor(a) Clóvis Pestana
Dados pessoais
Nascimento 19 de março de 1907
Porto Alegre, RS
Morte 30 de dezembro de 1995 (88 anos)
Porto Alegre, RS
Profissão advogado

Antônio Brochado da Rocha (Porto Alegre, 19 de março de 190730 de dezembro de 1995) foi um advogado e político brasileiro.

Era filho do ex-prefeito portoalegrense Otávio Rocha, e Inácia Brochado da Rocha e irmão de Francisco de Paula Brochado da Rocha e José Diogo Brochado da Rocha.

Formado advogado pela Faculdade de Direito de Porto Alegre, foi professor do Ginásio Estadual Anchieta e da Faculdade de Filosofia da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

Ingressou na política como chefe de gabinete de seu pai, foi vice-prefeito no governo de Loureiro da Silva e depois governou a cidade de Porto Alegre, de 15 de setembro de 1943 a 14 de maio de 1945, como prefeito nomeado durante o Estado Novo.

Foi também secretário estadual de educação (1944-1945) e da fazenda (1951-1955), conselheiro do Tribunal de Contas do Estado, ministro do Tribunal de Contas da União (1954 a 1966) e seu presidente, em 1960.

Concorreu, sem sucesso, a deputado federal (1950) e a senador, em 1962.

Fonte de referência[editar | editar código-fonte]

  • GRILL, Igor Gastal. Parentesco, redes e partidos: as bases das heranças políticas no Rio Grande do Sul, Porto Alegre , UFRGS, 2003.


Precedido por
José Loureiro da Silva
Prefeito de Porto Alegre
1943 — 1945
Sucedido por
Clóvis Pestana
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.