Antônio Carlos de Almeida Braga

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Antônio Carlos de Almeida Braga
Nascimento 2 de julho de 1926
São Paulo
Nacionalidade Brasil brasileiro
Cônjuge Vivi Nabuco (1953-1967)
Luíza Eugênia Konder (1968-)
Filho(s) Maria do Carmo Nabuco de Almeida Braga, a Kati (1953)
Luis Antônio Nabuco de Almeida Braga (1957)
Silvia Nabuco de Almeida Braga (1962)
Lúcia Nabuco de Almeida Braga (1960)
Maria de Almeida Braga
Joana de Almeida Braga
Ocupação banqueiro

Antônio Carlos de Almeida Braga (São Paulo, 2 de julho de 1926) é um empresário brasileiro do ramo financeiro. Foi dono de uma das maiores seguradoras do Brasil, a Atlântica Seguros, empresa que fundiu-se à Bradesco Seguros. No acordo de incorporação, Braguinha, como é conhecido, ficou com um imenso volume de ações do Bradesco, o que lhe proporcionou a direção da instituição. Acabou saindo do banco devido a desentendimentos com o seu maior acionista, Amador Aguiar. Ao sair do Bradesco, Braguinha montou seu próprio banco, o Banco Icatu, mas logo passou a administração dos seus negócios aos seus filhos e aposentou-se.[1]

Braguinha foi um dos maiores investidores das bolsas brasileiras dos anos 1980. Atualmente ele divide seu tempo entre sua Quinta Penalva (Sintra, Portugal) e sua casa do Condomínio Lyford Cay (Nassau, Bahamas), freqüentando o circuíto mundial de tênis e o de Fórmula 1. É um grande amigo do ex-piloto Emerson Fittipaldi, foi também grande amigo de Ayrton Senna e por conseguinte, de sua ex-namorada, a Adriane Galisteu, além de outras pessoas influentes do esporte, como o tenista Gustavo Kuerten e o ex-dirigente de futebol João Havelange, tendo sido agraciado com o título de Grande Benemério do Fluminense Football Club em 10 de setembro de 2013.[2]

É um grande amigo e parceiro da família Marinho, proprietária das Organizações Globo. Na época do Natal ao carnaval costuma estar no Brasil, onde se divide entre seu apartamento de Ipanema, no Rio de Janeiro, e sua casa na cidade de Angra dos Reis.

Família[editar | editar código-fonte]

Primeiro casamento[editar | editar código-fonte]

Braguinha foi casado com Sylvia Maria da Glória de Mello Franco Nabuco (Rio de Janeiro, 14 de agosto de 1935), mais conhecida como Vivi Nabuco.

O casal teve quatro filhos:

Segundo casamento[editar | editar código-fonte]

Desde 1968 Braguinha é casado com a carioca Luíza Eugênia Konder (Rio de Janeiro, 14 de novembro de 1944).

O casal teve duas filhas:
  • Maria de Almeida Braga
  • Joana de Almeida Braga (casada com Arnon de Mello Neto, filho de Fernando Collor)

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.