Antônio Melissa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Antônio Melissa (em latim: ; romaniz.: "a abelha"; ca. século XI) é o monge bizantino que escreveu uma compilação de frases morais chamada de Loci Communes.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nada se sabe sobre Antônio. O sobrenome tradicionalmente aplicado a ele parece ter sido, na realidade, o título original de sua compilação[1]. A compilação é geralmente chamada de Loci Communes e reúne diversas frases ou sentenças sobre virtudes e vícios. Ela é similar a uma outra obra de mesmo nome[2], atribuída a Máximo, o Confessor, mas que é, na realidade, de autoria de um autor anônimo. Ambas contém extratos dos primeiros Padres da Igreja e também citações de autores judeus e gentios antigos.

As duas obras tem sido geralmente publicadas juntas, no final das edições de Stobaeus.

Referências

  1. Ezra Abbot, (2008), The Authorship of the Fourth Gospel: And Other Critical Essays, page 300
  2. Luke Timothy Johnson, William S. Kurz, (2002), The future of Catholic biblical scholarship: a constructive conversation, page 42
Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) escritor(a) é um esboço relacionado ao Projeto Biografias. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.