Antônio Pereira Reimão

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde dezembro de 2018). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Searchtool.svg
Esta página foi marcada para revisão, devido a incoerências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a coerência e o rigor deste artigo.


Ambox grammar.svg
Esta página ou secção precisa de correção ortográfico-gramatical.
Pode conter incorreções textuais, e ainda pode necessitar de melhoria em termos de vocabulário ou coesão, para atingir um nível de qualidade superior conforme o livro de estilo da Wikipédia. Se tem conhecimentos linguísticos, sinta-se à vontade para ajudar.

Antônio Pereira Reimão (Lençóis, 23 de junho de 1865), foi um padre brasileiro, Monsenhor da cidade de São Paulo no início do século XX.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Em 23 de junho de 1865, nasceu Antonio Pereira Reimão, filho legítimo de Antonio Pereira Reimão (homônimo) e de sua mulher Dona Amélia Pereira Reimão na freguesia de Nossa Senhora da Conceição dos Lençóis e foi batizado na mesma freguesia no mês de setembro do mesmo ano pelo Reverendo Padre Roberto de São Gonçalo Sarmento, sendo seus padrinhos o cônego Vigário Lino da Silveira Gusmão e D. Albina Rosa Jasmim Reimão (…).(folha 34 do livro terceiro dos Justificados).

Antonio Pereira Reimão foi batizado na cidade de Lençóis, do Arcebispado da Bahia filho legítimo do finado Antonio Pereira Reimão (homônimo) e Amélia Reimão, neto paterno do Cirurgião José Joaquim Reimão e Francisca Reimão ambos falecidos e neto materno de Paulo Pinto Monteiro e Anna Ricarda Dias Monteiro já falecida. (De Genere, Arquivo da Cúria Metropolitana de São Paulo).

Em 1904, por provisão do Monsenhor Antônio Pereira Reimão foi reformado o arco e o frontispício da Igreja que estavam em ruínas. (Igreja Nossa Senhora D'Ajuda, em Itaquaquecetuba, no estado de São Paulo).

A 19 de fevereiro de 1905, o Cônego Antônio Pereira Reimão procedeu à bênção da pedra fundamental da nova Igreja. (Igreja do Divino Espírito Santo, rua Frei Caneca, na bairro de Bela Vista, na cidade de São Paulo, SP).

Em 1911, a Congregação dos Santos Anjos foi fundada em 29 de setembro de 1911, tendo como Diretor o Monsenhor Reimão. (Ata da Reunião ..presidida pelo Monsenhor Reimão, folha 3. Colégio Progresso Campineiro). (Cidade de Campinas, no estado de São Paulo).