Antônio Ramos Caiado

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Antonio Ramos Caiado.png

Antônio Ramos Caiado (Cidade de Goiás, 15 de maio de 1874Goiânia, 14 de janeiro de1967) conhecido também por Dr. Ramos Caiado, ou Totó Caiado, foi um político brasileiro e entrou na história pela suas várias atuações políticas goiana no período anterior à Revolução de 1930.[1]

Bacharel pela Faculdade de Direito de São Paulo, foi intendente municipal, secretário do Interior e Justiça e Segurança Pública e deputado estadual. Lutou ao lado das forças legalistas contra a Revolta da Armada na época de 1893.[2]

Foi fundador e dirigente do jornal A República. Um dos chefes da revolução de 1909, que marcou a queda do grupo chefiado por José Xavier de Almeida e o início da etapa de domínio político do Partido Democrata (1909-1930). Em 1909 elegeu-se deputado federal por Goiás, reelegendo-se em diversas legislaturas.


Antônio Caiado teve diversos filhos e netos que se levou ao lado da política, como por exemplo o neto Ronaldo Caiado, senador pelo estado de Goiás.

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre um político brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.