Antipapa Teodorico

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Teodorico foi um antipapa entre 1100 e 1101.

O Antipapa Clemente III faleceu em 8 de setembro de 1100; seus seguidores em Roma reuniram-se secretamente à noite na Basílica de São Pedro, onde elegeram e entronizaram o Cardeal Teodorico, bispo de Albano, que então atendia pelo nome de Teodorico.[1] Forçado a abandonar Roma, Teodorico foi capturado três meses e meio mais tarde e perante o Papa Pascoal II, onde ele foi condenado e declarado um antipapa e depois enviado para o Mosteiro de La Cava, Salerno, onde morreu em 1102, de acordo com o epitáfio numa cripta do monastério.[2] Em La Cava há uma placa memorial que comemora-lhe com o nome pontifício de "Silvestre III", porque o Papa Silvestre III, na época, foi considerado um antipapa. Seu sucessor foi Antipapa Adalberto (1101).

Referências

  1. Imma Penn, Dogma Evolution and Papal Fallacies, (AuthorHouse, 2007), 233.
  2. Imma Penn, 233.