Apeadeiro de 5 de Outubro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde junho de 2019). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
5 de Outubro
Linha(s) Linha de Cintura
(PK 5,7)
Coordenadas 38° 44′ 36,94″ N, 9° 09′ 00,17″ O
Concelho Lisboa
Serviços Ferroviarios Sem serviços
Localização

O Apeadeiro de 5 de Outubro, igualmente conhecido como Terminal 5 de Outubro, foi uma interface temporária da Linha de Cintura, que servia a zona da Avenida 5 de Outubro, na cidade de Lisboa, em Portugal. Construído na década de 1990, integrava-se na rede ferroviária nacional como um apeadeiro no término de um curto ramal em via dupla, que entroncava na Linha de Cintura, a sul, ao PK 6,7 desta[carece de fontes?].

Servia de estação terminal a duas circulações da Linha de Sintra oriundas da Amadora e do Cacém. A seguir à Estação do Rossio, era a estação que mais servia o centro de Lisboa[carece de fontes?], situando-se junto da avenida epónima e muito próxima da Estação Ferroviária de Entrecampos.[carece de fontes?]

Em 1998, no âmbito da re-estruturação da CP Lisboa, causada pela Expo 98 e, pela entrada ao serviço da linha da Ponte 25 de Abril, o Apeadeiro de 5 de Outubro foi demolido e substituído nas suas funções por um prolongamento para oeste da Estação Ferroviária de Entrecampos, no lado norte da Linha de Cintura — a chamada Estação Ferroviária de Entrecampos Poente.[carece de fontes?]

Ver também[editar | editar código-fonte]



Ícone de esboço Este artigo sobre uma estação, apeadeiro ou paragem ferroviária é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.