Apeadeiro de Prado

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Disambig grey.svg Nota: Este artigo é sobre o antigo apeadeiro no Ramal de Matosinhos. Para a antiga paragem na Linha do Sabor, veja Paragem de Fonte do Prado.
Prado
BSicon BAHN.svg
Linha(s): Ramal de Matosinhos
(PK 7,956)
Coordenadas: 41° 10′ 36,32″ N, 8° 41′ 21,53″ O
Concelho: Matosinhos
Encerramento: 30 de Junho de 1965

O Apeadeiro de Prado foi uma interface do Ramal de Matosinhos, que servia a zona de Prado, na cidade de Matosinhos, em Portugal.

História[editar | editar código-fonte]

O Ramal de Matosinhos foi instalado em 1884, e em 1893 principiaram os comboios de passageiros e mercadorias, pela Companhia do Caminho de Ferro do Porto à Póvoa e Famalicão.[1]

Um diploma publicado no Diário do Governo n.º 94, II Série, de 25 de Abril de 1949, aprovou um projecto da Companhia dos Caminhos de Ferro Portugueses para a rectificação das distâncias de aplicação de várias gares no Ramal de Matosinhos, incluindo a de Prado, que nessa altura possuía a categoria de paragem.[2]

No dia 30 de Junho de 1965, foi encerrada a exploração ferroviária do Ramal de Matosinhos.[3]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. TORRES, Carlos Manitto (16 de Março de 1958). «A evolução das linhas portuguesas e o seu significado ferroviário» (PDF). Gazeta dos Caminhos de Ferro. Ano 71 (1686). p. 133-140. Consultado em 16 de Outubro de 2013 – via Hemeroteca Digital de Lisboa 
  2. «Parte Oficial» (PDF). Gazeta dos Caminhos de Ferro. Ano 62 (1476). 16 de Junho de 1949. p. 434. Consultado em 21 de Julho de 2016 – via Hemeroteca Digital de Lisboa 
  3. «Vai ser encerrada, a partir do dia 1 de Julho próximo, a exploração ferroviária do Ramal de Matosinhos» (PDF). Gazeta dos Caminhos de Ferro. Ano 78 (1859). 1 de Junho de 1965. p. 144. Consultado em 15 de Outubro de 2013 – via Hemeroteca Digital de Lisboa 



Ícone de esboço Este artigo sobre uma estação, apeadeiro ou paragem ferroviária é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.