Apollo Crews

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Apollo Crews
Apollo Crews 2017.jpg
Apollo Crews em maio de 2017.
Informações pessoais
Nome completo Sesugh Uhaa[1]
Nascimento 22 de agosto de 1987 (30 anos)[2]
Sacramento, Califórnia, Estados Unidos[3]
Residência Atlanta, Geórgia, Estados Unidos[4]
Carreira na luta livre profissional
Nome(s)
de ringue
Apollo
Apollo Crews[5]
Nation[2]
Uhaa Nation
Altura
anunciada
1 85 m[3][6]
Peso
anunciado
240 lb (109 kg)[6]
Anunciado
de
Stone Mountain, Geórgia[6] (WWE)
Treinado
por
Mr. Hughes[6][7]
Estreia 17 de agosto de 2009[2][8]

Sesugh Uhaa[1][4] (Atlanta, 22 de agosto de 1987)[2] é um lutador de wrestling profissional americano que trabalha na WWE no programa Raw e é mais conhecido pelo seu ring name Apollo Crews.[7]

Ele começou sua carreira em 2009, e fez sua estreia em uma promoção em 2011, quando ele foi contratado pela Dragon Gate USA. Em 2014, Uhaa foi contratado pela WWE e foi designado para o território de desenvolvimento da promoção, NXT, onde foi dado seu novo ring name, Apollo Crews. Com 1,85 m e 110 quilos, Uhaa é conhecido por ser um high-flyer e um powerhouse.[9][10][11]

Inicio de vida[editar | editar código-fonte]

Nascido em Sacramento, Califórnia, Uhaa foi criado em Atlanta e desde cedo era um amante do wrestling profissional,[8] se tornou um fã de lutadores como Stone Cold Steve Austin, The Rock e especialmente Kurt Angle.[9][10] Ele foi para a escola militar e começou a praticar vários esportes, incluindo futebol, futebol americano e atletismo,[12] mas quis "fugir da vida militar".[9] Enquanto treinava levantamento de peso no ensino médio, ele ganhou o apelido de "Uhaa Nation", quando seu treinador notou que ele tinha "a força de uma única nação".[8]

Carreira na luta livre profissional[editar | editar código-fonte]

WWE[editar | editar código-fonte]

NXT (2014-2015)[editar | editar código-fonte]

Em outubro de 2014, Uhaa fez parte de um tryout (curta passagem) pela WWE, o que resultou á ele uma oferta da promoção.[9][13] Começando em 31 de dezembro de 2014, vários sites noticiaram que Uhaa tinha assinado um contrato com a WWE.[1][14] Uhaa foi enviado para o WWE Performance Center, a casa do território de desenvolvimento NXT, em 6 de abril de 2015.[15] A WWE anunciou oficialmente que Uhaa fazia parte do seu roster em 13 de abril.[4] Uhaa fez sua primeira aparência na televisão em 6 de maio, no episódio do NXT, assinando um contrato no NXT em um segmento com William Regal. Após isso, uma vinheta foi mostrada promovendo sua estreia.[16] Uhaa começou a trabalhar em house shows do NXT no mês seguinte, ainda com o ring name Uhaa Nation.[17][18][19] Em 5 de agosto, foi anunciado que Uhaa Nation agora trabalharia sob o seu novo ring name "Apollo Crews", e iria fazer sua estréia no NXT no NXT TakeOver: Brooklyn.[5] Crews contudo, acabou fazendo sua estreia nas gravações de 13 de agosto, que foram gravadas para ir ao ar depois do NXT TakeOver: Brooklyn, derrotando Martin Stone.[20] No NXT TakeOver: Brooklyn, Crews derrotou Tye Dillinger na sua primeira luta oficial.[21]

Smackdown (2016-presente)[editar | editar código-fonte]

Em 19 de julho de 2016, Apollo Crews foi recrutado por Shane McMahon e Daniel Bryan para o SmackDown.Na semana seguinte, ele participou de uma Battle Royal e venceu, definindo o sexto membro do six pack para definir #1 Contender no WWE Championship de Dean Ambrose no SummerSlam (2016)

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Uhaa é um descendente de nigerianos.[4] Uhaa é amigo próximo dos também lutadores profissionais Kevin Owens, Finn Bálor, Chris Masters e Ricochet.[9]

No wrestling[editar | editar código-fonte]

Títulos e prêmios[editar | editar código-fonte]

  • Great Championship Wrestling
    • GCW Heavyweight Championship (1 vez)[2]
  • Preston City Wrestling
    • PCW Heavyweight Championship (1 vez)[23]

Referências

  1. a b c Meltzer, Dave (31 de dezembro de 2014). «Jan. 5, 2015 Wrestling Observer Newsletter: 2014 business year in review, Daniel Bryan return, Wrestle Kingdom preview, death of Al Greene, and much more». Campbell, California. Wrestling Observer Newsletter: 51. ISSN 1083-9593 
  2. a b c d e f g h i j «Uhaa Nation». Online World of Wrestling. Consultado em 8 de agosto de 2015. 
  3. a b c d ウーハー・ネイション. Dragon Gate (em Japanese). Gaora. Consultado em 5 de maio de 2013.. Cópia arquivada em 16 de outurbo de 2014  Verifique data em: |arquivodata= (ajuda)
  4. a b c d «WWE Performance Center welcomes new class of recruits». WWE. 13 de abril de 2015. Consultado em 13 de abril de 2015. 
  5. a b Trionfo, Richard (5 de agosto de 2015). «The former Uhaa Nation's debut on NXT is announced...as well as his NXT name». Pro Wrestling Insider. Consultado em 5 de agosto de 2015. 
  6. a b c d e «Apollo Crews». WWE. Consultado em 23 de agosto de 2015. 
  7. a b c d e f g h i j «Uhaa Nation». Dragon Gate USA. Consultado em 25 de novembro de 2012.. Cópia arquivada em 2 de janeiro de 2015 
  8. a b c d Dobson, Jamie (16 de julho de 2012). «My Interview with the One Man Nation - Uhaa Nation!». 911 Wrestling. Consultado em 25 de novembro de 2012. [ligação inativa] 
  9. a b c d e Fishman, Scott (13 de abril de 2015). «WWE welcomes new NXT recruits: Introducing Sesugh Uhaa». Miami Herald. Consultado em 13 de abril de 2015. 
  10. a b Clapp, John (17 de abril de 2015). «Exclusive Q&A with Sesugh 'Uhaa Nation' Uhaa: Why he's 'here for the long run'». WWE. Consultado em 18 de abril de 2015. 
  11. Counihan, Alan (12 de junho de 2012). «12 de junho - Dr. Keith Presents: One Nation Under Uhaa!!!». Wrestling Observer Newsletter. Consultado em 25 de novembro de 2012. 
  12. Hudson, Phil W. (13 de abril de 2015). «Atlantan joins WWE training division». Atlanta Business Chronicle. Consultado em 13 de abril de 2015. 
  13. Meltzer, Dave (22 de dezembro de 2014). «Dec. 22, 2014 Wrestling Observer Newsletter: UFC lawsuit analysis, full reports on 4 consecutive major WWE & UFC shows, and much more!». Campbell, California. Wrestling Observer Newsletter: 34. ISSN 1083-9593 
  14. Caldwell, James (1 de janeiro de 2015). «NXT newswire: DGUSA star signs with WWE, Itami & Balor in tag action tonight on NXT». Pro Wrestling Torch. Consultado em 2 de janeiro de 2015. 
  15. Johnson, Mike (6 de abril de 2015). «Former DG star starts with WWE, great reason why celebrity wrestler likely won't work SummerSlam, Battleground, NXT and more news». Pro Wrestling Insider. Consultado em 7 de abril de 2015. 
  16. Trionfo, Richard (6 de maio de 2015). «WWE NXT report: contract signing, interview with champion and challenger, Becky Lynch video profile, The Nation is coming, who is number one?». Pro Wrestling Insider. Consultado em 7 de maio de 2015. 
  17. Alston, Gary (21 de junho de 2015). «6/20 NXT results from Lakeland, FL». Pro Wrestling Insider. Consultado em 10 de julho de 2015. 
  18. Smith, Joseph; Twiss, Andrew (27 de junho de 2015). «6/26 NXT results from Cocoa Beach, FL». Pro Wrestling Insider. Consultado em 10 de julho de 2015. 
  19. Parks, Greg (18 de julho de 2015). «Show results - 7/18 WWE NXT in Venice, Fla.: Parks's in-person report on Finn Balor vs. Tyler Breeze, Eva Marie, Uhaa Nation, more». Pro Wrestling Torch. Consultado em 19 de julho de 2015. 
  20. Parry, Josh (13 de agosto de 2015). «WWE news: NXT TV spoilers - results from Full Sail University for 8/19 pre-Takeover show and post-Takeover shows». Pro Wrestling Torch. Consultado em 14 de agosto de 2015. 
  21. Witner, Emerson (22 de agosto de 2015). «WWE NXT TakeOver live results & main card: Finn Balor vs. Kevin Owens, Sasha Banks vs. Bayley, Samoa Joe, Jushin "Thunder" Liger». Wrestling Observer Newsletter. Consultado em 22 de agosto de 2015. 
  22. Radican, Sean (10 de setembro de 2012). «Radican's DGUSA DVD Review Series - "Revolt!" 11/11: Ronin vs. Blood Warriors, Tozawa sings, Yamato-Hulk No Rope match». Pro Wrestling Torch. Consultado em 25 de novembro de 2012. 
  23. «PCW Heavyweight Championship History». Preston City Wrestling. Consultado em 30 de novembro de 2014. 
  24. «Pro Wrestling Illustrated (PWI) 500 for 2012». The Internet Wrestling Database. Consultado em 25 de novembro de 2012. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]