Ariel (anjo)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


Ariel (em hebraico: אריאל, Ari'el, Arael ou Ariael) é um arcanjo encontrado primariamente nos misticismos judeus e cristãos e livros apócrifos. O nome Ariel significa "Leão do Senhor" ou "forja do Senhor" ocorre na Bíblia Hebraica, mas o uso como o nome de um anjo numa primeira fonte é incerto.

Livro de Isaías[editar | editar código-fonte]

No Livro de Isaías, Ariel é utilizado como a personificação de Jerusalém:

1 Ai de Ariel! Ariel, a cidade onde
acampou Davi.
Acrescentem um ano a outro
e deixem seguir o seu ciclo de festas.
2 Mas eu sitiarei Ariel,
que vai chorar e lamentar-se,
e para mim será como
uma fornalha de altar.
3 Acamparei ao seu redor;
eu a cercarei de torres
e instalarei contra você
minhas obras de cerco.
4 Lançada ao chão, de lá você falará;
do pó virão em murmúrio
as suas palavras.
Fantasmagórica, subirá sua voz da terra;
um sussurro vindo do pó será sua voz.

5 Mas os seus muitos inimigos
se tornarão como o pó fino;
as hordas cruéis,
como palha levada pelo vento.
Repentinamente, num instante,
6 o Senhor dos Exércitos virá
com trovões e terremoto
e estrondoso ruído,
com tempestade e furacão
e chamas de um fogo devorador.
7 Então as hordas de todas as nações
que lutam contra Ariel,
que investem contra ele e contra
a sua fortaleza e a sitiam,
serão como acontece num sonho,

numa visão noturna,Isaías 29:1-7

[1]

Livro de Enoque e John Milton[editar | editar código-fonte]

Harris Fletcher (1930) encontrou o nome Ariel em um cópia de fragmentos de Eutímio do Livro de Enoque,e sugeriu que o texto era conhecido por John Milton e poderia ser a fonte para o uso de Milton do nome de um anjo menor do Paraíso Perdido.[2]. Entretanto, a presença de nome em fragmentos de Eutímio não tem sido verificada (1938),[3] e em qualquer caso, desde a descoberta dos pergaminhos do Mar Morto, versões anteriores do livro de Enoque são conhecidas por não conterem o nome Ariel. Em Paraíso Perdido, Ariel é um anjo rebelde, que é superado pelo serafim Abdiel no primeiro dia da Guerra Celeste.

Referências

  1. http://www.bibliaon.com/isaias_29/
  2. Harris Francis Fletcher Milton's rabbinical readings -1930 reprint 1967 "Perhaps Milton knew of an even fuller account of the Angel Ariel than any I have listed in some rabbinical work that has not yet been connected with him.3 •D. Saurat, op. cit., pp. 354-258. But the connection of the Enoch literature ..."
  3. Grant McColley The Book of Enoch and Paradise Lost The Harvard Theological Review, 1938 "Professor Fletcher, whose reference I have been unable to verify, finds in the Syncellus fragments the equally unusual Ariel, who, with ..."

Ver Também[editar | editar código-fonte]