Armand Guillaumin

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Armand Guillaumin
Auto-retrato, 1878
Nome completo Jean-Baptiste Armand Guillaumin
Nascimento 16 de fevereiro de 1841
Paris, França
Morte 26 de junho de 1927 (86 anos)
Orly, Val-de-Marne, França
Nacionalidade França Francesa
Área Pintura
Formação Académie Suisse
Movimento(s) Impressionismo

Jean-Baptiste Armand Guillaumin (francês: [ɡijomɛ̃]; Paris, 16 de fevereiro de 1841 – Orly, Val-de-Marne, 26 de junho de 1927) foi um pintor impressionista e litógrafo francês[1][2].

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Nascido em Paris, em 1841, Armand trabalhava na loja de lingerie de seu tio, enquanto fazia aulas de pintura e desenho. Trabalhou também para o governo francês na construção de ferrovias antes de estudar arte na Académie Suisse, em 1861. Lá, ele conheceu Paul Cézanne e Camille Pissarro, com quem estabeleceu uma longa amizade[3]. Apesar de nunca ter alcançado o mesmo reconhecimento dos amigos, sua influência em seus trabalhos é significante. Cézanne usou pinturas de Armand como inspiração em muitos de seus quadros[1][2].

Armand expôs suas obras no Salon des Refusés, em 1863 e participou de outras oito exposições impressionistas: 1874, 1877, 1880, 1881, 1882 e 1886[3][2].

Em 1886, ficou amigo de Vincent van Gogh, cujo irmão, Theo, negociou alguns de seus quadros. Ele finalmente conseguiu deixar seu emprego formal para se dedicar totalmente à pintura em 1891, depois de ganhar 100 mil francos na loteria federal[3][1][2].

Conhecido por suas cores intensas, seus quadros estão hoje em vários museus pelo mundo[2]. Ele é mais lembrado por suas paisagens parisienses, da costa da França e da região dos Alpes Franceses. Era considerado o líder da École de Crozant, um diverso grupo de pintores que ficou conhecido por retratar a região de Creuse, nos arredores da vila de Crozant[4].

Morte[editar | editar código-fonte]

Armand Guillaumin faleceu em 1927, aos 86 anos, em Orly, Val-de-Marne, ao sul de Paris[2].

Galeria[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c Impressionniste (ed.). «Jean-Baptiste Armand Guillaumin». Impressionniste. Consultado em 22 de abril de 2017 
  2. a b c d e f Waterhouse&Dodd (ed.). «Jean-Baptiste Armand Guillaumin». Waterhouse&Dodd. Consultado em 22 de abril de 2017 
  3. a b c "Armand Guillaumin", Oxford Art Online
  4. Art Institute Chicago (ed.). «Art Institute of Chicago Collections». Art Institute Chicago. Consultado em 22 de abril de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Armand Guillaumin