Armando Luís de Carvalho Homem

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Armando Luís de Carvalho Homem
Nome completo Armando Luís Gomes de Carvalho Homem
Nascimento 12 de dezembro de 1950 (68 anos)
Coimbra, Portugal Portugal
Nacionalidade Português
Ocupação historiador e professor universitário

Armando Luís Gomes de Carvalho Homem (Coimbra, 12 de Dezembro de 1950) é um historiador e professor universitário português

Percurso académico[editar | editar código-fonte]

Bacharel (1971) e licenciado (1974) em História pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto (FL/UP), nesta Escola seguiu carreira como monitor (1973-1974), assistente (1974-1985) e professor (1985 ss.) de História Medieval, sucessivamente se doutorando (especialidade de Letras / História da Idade Média, 1985), agregando (História, 1994) e atingindo a cátedra (Departamento de História, 1998). Entre 1989 e 2005 e de 2012 em diante foi também professor catedrático convidado da Universidade Autónoma de Lisboa, aí desempenhando os cargos de Director do Departamento de História (1991-1993) e do Departamento de Ciências Humanas (1993-1999), e ainda de coordenador da área científica de História (1.º ciclo, 2012-2018; 3.º ciclo . De 2010 a 2012 foi Presidente do agora Departamento de História e de Estudos Políticos e Internacionais (DHEPI) da FL/UP; aposentou-se em Dezembro de 2014.

Filiações[editar | editar código-fonte]

É membro da Associação Portuguesa de História Económica e Social, tendo sido Vice-Presidente da Direcção e Presidente da Assembleia-Geral, da Sociedade Portuguesa de Estudos Medievais, sendo desde 2003 Presidente da Assembleia-Geral e desde 2013 Presidente do Conselho Fiscal; pertenceu à Commission Internationale de Diplomatique (1990-2016) e é membro do Centro de Estudos de População, Economia e Sociedade (CEPESE / UP).

Orientações historiográficas[editar | editar código-fonte]

Actividade musical[editar | editar código-fonte]

__________________________________________________________________________________________________________________________________

Filho do guitarrista e professor liceal Armando de Carvalho Homem (1923-1991), é executante de viola de acompanhamento da Guitarra de Coimbra, tendo participado em 1981 no LP Guitarra Portuguesa: Raízes de Coimbra, com o guitarrista e professor liceal Octávio Sérgio Azevedo (ed. ORFEO / Arnaldo Trindade, Porto) e em 2009 no CD 280 anos depois: Associação dos Antigos Tunos da Universidade de Coimbra - 1985-2010. De 2008 a 2017, integrou o Grupo de Cato e Guitarra Raizes de Coimbra, com Octavio Sergio, Alcides Freixo, Jose Ourives e Paulo Alexandre (guitarras) Rui Pato e Humberto Matias (violas) e Heitor Lopes. Mario Rovira, Rui Lucas e, pontualmente, outros (cantores). A partir de 2015, com a doenca e depois morte de Durval Moreirinhas (1937/2017), substituiu este executante no acompanhamento do guitarrista Jorge Tuna.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Armando Luís Gomes de Carvalho Homem (1974). Aspectos da Administração Portuguesa no Reinado de D. Pedro I (em Portugês). Porto: FL/UP 
  • Armando Luís Gomes de Carvalho Homem (1985-1990). Desembargo (O) Régio (1320-1433), 2 vols., dactil., Porto, 1985, IV + 385 + 446 pp. Publ.: Porto, INIC / CHUP, 1990, 636 pp.
  • Armando Luís Gomes de Carvalho Homem (1990). Portugal nos Finais da Idade Média: Estado, Instituições, Sociedade Política, Lisboa, Horizonte, 280 pp.
  • Armando Luís Gomes de Carvalho Homem (1996). Portugal em definição de fronteiras (1096-1325). Do Condado Portucalense à Crise do Século XIV  ( = Nova História de Portugal, dir. Joel SERRÃO e A. H. de Oliveira MARQUES, vol. III), Lisboa, Presença, 1996, 860 pp. Coord. do volume (com M.ª Helena C. COELHO) e autoria das subsecções «A dinâmica dionisina» e «O quadro institucional, I. A Corte e o governo central», pp. 144-163 e 529-540. respectivamente.
  • Armando Luís Gomes de Carvalho Homem (1999). Génese (A) do Estado Moderno no Portugal Tardo-Medievo (séculos XIII-XV), coord. M.ª Helena C. COELHO e A. L. de Carvalho HOMEM, Lisboa, UAL, 420 pp.
  • Armando Luís Gomes de Carvalho Homem (2003). Na jubilação universitária de A. H. de Oliveira Marques, coord. do volume (em col. c/ M.ª Helena C. COELHO) e autoria do texto «Percurso biográfico», Coimbra, Minerva, 2003.
  • Armando Luís Gomes de Carvalho Homem (2006). Traje (O) dos lentes: memória para a História da veste dos universitários portugueses (séculos XIX-XX) (em Portugês). Porto: flup e-dita .
  • Armando Luís Gomes de Carvalho Homem (2009). Ibéria: Quatrocentos / Quinhentos. Duas décadas de cátedra (1984-2006). Homenagem a Luís Adão da Fonseca, coord. do volume (c/ José Augusto de Sotto Mayor PIZARRO; Paula Maria de Carvalho Pinto COSTA) e co-autoria (c/ os mesmos) de «Dados biográficos e percurso intelectual», pp. 7-21), Porto, Civilização / CEPESE, 344 pp.
  • Armando Luís Gomes de Carvalho Homem (2017), Rei (O) e a Lei: estudos de História Institucional da Idade Média Portuguesa (1279-1521), Porto, U. Porto Edições, 448 pp.
  • Armando Luís Gomes de Carvalho Homem; Maria Helena da Cruz Coelho Helena, coords. (2018). Décadas (As) de Ceuta (1385-1460), Casal de Cambra, Caleidoscópio.
  • Cadernos do Arquivo Municipal [Lisboa], 10. «Escrita (A) e os Actos: estudos de Paleografia e Diplomática Municipais (séculos XIII-XVIII)», coord. do volume e autoria do texto de abertura [«Paleografia, Diplomática, Cronologia(s)…»], disponível em http://arquivomunicipal.cm-lisboa.pt/pt/investigacao/cadernos-do-arquivo-municipal/2-serie/numero-10/

Ligações externas[editar | editar código-fonte]