Arroio do Tigre

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Arroio do Tigre
"Celeiro do centro-serra"
Bandeira de Arroio do Tigre
Brasão de Arroio do Tigre
Bandeira Brasão
Hino
Aniversário 6 de novembro
Fundação 6 de novembro de 1963 (54 anos)
Gentílico arroio tigrense
Prefeito(a) Marciano Ravanello (PP)
(2017 – 2020)
Localização
Localização de Arroio do Tigre
Localização de Arroio do Tigre no Rio Grande do Sul
Arroio do Tigre está localizado em: Brasil
Arroio do Tigre
Localização de Arroio do Tigre no Brasil
29° 19' 58" S 53° 05' 34" O29° 19' 58" S 53° 05' 34" O
Unidade federativa  Rio Grande do Sul
Mesorregião Centro Oriental Rio-grandense IBGE/2008 [1]
Microrregião Santa Cruz do Sul IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofes N: Jacuizinho, Estrela Velha, S: Sobradinho, L: Tunas e Segredo e O: Ibarama
Distância até a capital 250 km
Características geográficas
Área 319 km² [2]
População 13 353 hab. est. IBGE/2016[3]
Densidade 41,86 hab./km²
Altitude 409 m
Clima subtropical
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,764 elevado PNUD/2000 [4]
PIB R$ 208.363 mil IBGE/2009[5]
PIB per capita R$ 15 776,00 IBGE/2009[5]
Página oficial
Prefeitura http://www.arroiodotigre.rs.gov.br
Câmara http://www.camaraarroiodotigre.com.br

Arroio do Tigre é um município brasileiro do estado do Rio Grande do Sul.

História[editar | editar código-fonte]

O animal que deu origem ao nome de Arroio do Tigre era, na verdade, uma onça abatida no século XIX na então colônia de sobradinho, às margens de um arroio. A onça estraçalhou vários animais domésticos até que um grupo de homens organizou uma tocaia para abatê-la. Como não conheciam o animal, julgaram que fosse um tigre e o local passou a ser chamado Arroio do Tigre.

O período de ocupação do território, no final da década de XIX, registra a chegada dos descendentes de imigrantes alemães e italianos às proximidades de Arroio do Tigre, trazendo um capital social derivado de suas raízes, tal como conhecimentos produtivos, saberes artesanais, práticas alimentares, modos de vida, tudo isso ligado à experiência e à cultura familiar.[6]

A ocupação efetiva iniciou por volta de 1900, quando chegaram as primeiras famílias de origem germânica, procedentes de Santa Cruz do Sul e arredores. A estes somaram-se posteriormente os italianos e luso-brasileiros. Os colonos enfrentaram a mata e seus perigos, abriram picadas, construíram casas, ergueram as primeiras capelas que, em geral, também serviam de escolas. Por volta de 1920, começou a tomar forma a Vila Tigre. Surgiram as primeiras casas comerciais, as igrejas Católica e Evangélica, depois o Hospital Santa Rosa de Lima e, em seguida, a Escola Estadual de Ensino Médio Arroio do Tigre [ EEEMAT]. Também em 1920, um grupo de colonos fundou a Cooperativa Agrícola Mista Cereja.

Até 1929 a Vila Tigre pertencia ao município de Soledade, passando então a fazer parte e ser o 3° Distrito de Sobradinho. A emancipação deu-se em 6 de novembro de 1963, tomando partes da área de Sobradinho, Soledade e Espumoso. Em 1996, foi fundada a Associação de Juventude Rural de Arroio do Tigre que organiza, atualmente, o maior evento esportivo de juventude rural do Brasil.

Geografia[editar | editar código-fonte]

O município de Arroio do Tigre situa-se na região Centro-Serra e integra a Associação dos Municípios da Região Centro-Serra (AMCSERRA). Arroio do Tigre faz divisa ao Norte com o município de Estrela Velha, ao Sul com Sobradinho, ao Leste com Tunas e Segredo e ao Oeste com Ibarama. A altitude do município de Arroio do Tigre em sua sede é de 409 metros; Longitude -53º 05 s 07 min; Latitude -29º 20s 06 min.

Sua população estimada em 2010 é de 12.648 habitantes, sendo 6.686 de população rural e 5.962 de população urbana. Possui uma área de 314,68 km².

Dados da Economia[editar | editar código-fonte]

- Fumo: 6,7 mil ha;

- Feijão: 1,4 mil ha;

- Milho: 6 mil ha;

- Soja: 6,5 mil ha;

- Leite: 10,6 mil litros/dia;

- Suíno: 750 mil kg/ano.

- Na indústria destacam-se: fabricação de aberturas e móveis sob medida, metalúrgicas, olarias, malharias e também a fabricação de calçados e biscoitos.

- Arroio do Tigre é o principal produtor de tabaco do Território Centro-Serra apresentando um crescimento de 5.127 toneladas, considerando o ano de 1991 em que produziu 7.560 toneladas e 2010 onde atingiu 12.687 toneladas de fumo em folha.

- O município dispõe de boas condições para atração de novos investimentos, como excelente infra-estrutura urbana, asfalto, comunicações, energia elétrica, água e lei de incentivos fiscais.

Educação[editar | editar código-fonte]

Ensino infantil

Escolas: 03 Alunos: 227

Ensino fundamental

Escolas estaduais: 05 Alunos: 692

Escolas municipais: 13 Alunos: 965

Escolas particulares: 01 Alunos: 167

Ensino médio

Escolas estaduais: 01 Alunos: 407

Escolas particulares: 01 Alunos: 63

Faculdades

Cursos: 07 (à distância) Alunos: 300

Dados Gerais[editar | editar código-fonte]

Nº de vereadores: 09

Ag. e postos bancários: 04

Hotéis/pousadas: 02

Hospitais: 01

Postos de saúde: 09

Total de eleitores: 10.135

Taxa de analfabetismo de pessoas com 15 anos ou mais: 7,05%

Expectativa de Vida ao Nascer (2000): 72,35 anos

Coeficiente de Mortalidade Infantil: 6,49 por mil nascidos vivos

Personalidades[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  2. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  3. «Estimativas populacionais para os municípios e para as Unidades da Federação brasileiros em 01.07.2016» (PDF). Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Consultado em 22 de junho de 2017 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  6. REDIN, E. Família rural e produção de tabaco: estratégias de reprodução social em Arroio do Tigre/RS. 305 f. (Tese de Doutorado) – Programa de Pós-graduação em Extensão Rural, Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria. 2015 «Untitled Document». cascavel.ufsm.br. Consultado em 15 de julho de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado do Rio Grande do Sul é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.