Arturo Vidal

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Arturo Vidal
Arturo Vidal
Arturo Vidal em 2012
Informações pessoais
Nome completo Arturo Erasmo Vidal Pardo
Data de nasc. 22 de maio de 1987 (29 anos)
Local de nasc. Santiago, Chile
Nacionalidade  chileno
Altura 1,80 m[1]
Destro
Apelido The Warrior[2] [3]
Informações profissionais
Clube atual Alemanha Bayern de Munique
Número 23
Posição Meia
Site oficial ArturoVidal.cl
Clubes de juventude
Chile Melipilla
Chile Colo-Colo
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2005–2007
2007–2011
2011–2015
2015–
Chile Colo-Colo
Alemanha Bayer Leverkusen
Itália Juventus
Alemanha Bayern de Munique
0056 0000(5)
0144 000(21)
0171 000(48)
0046 0000(7)
Seleção nacional3
2006–2007
2007–
Flag of Chile.svg Chile Sub-20
Flag of Chile.svg Chile
0014 0000(8)
0075 000(15)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 3 de maio de 2016.
3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 29 de março de 2016.

Arturo Erasmo Vidal Pardo (Santiago, 22 de maio de 1987) é um futebolista chileno que atua como meia. Atualmente, joga pelo Bayern de Munique.

Infância e juventude[editar | editar código-fonte]

Seu potencial foi descoberto por seu tio, mais tarde, juntou-se aos jovens jogadores do Colo-Colo.[4]

Clubes[editar | editar código-fonte]

Colo-Colo[editar | editar código-fonte]

Vidal estreou como profissional na primeira partida da final do Apertura 2006. A partida foi entre Colo-Colo e o arqui-rival Universidad de Chile. Vidal entrou como substituto de Gonzalo Fierro. Colo-Colo venceu o jogo por 2–1 e conquistou o campeonato. Na temporada seguinte (2006 Clausura Tournament), ele se tornou uma parte mais importante do plantel e levou o Colo-Colo para o segundo título consecutivo. Vidal marcou três gols na Copa Sul-Americana de 2006.

Bayer Leverkusen[editar | editar código-fonte]

O Torneio Apertura 2007 foi o último de Vidal com Colo-Colo. O Bayer Leverkusen o contratou por quatro temporadas a um custo de 5,6 milhões de euros, maior valor por um jogador chileno, marca que pertencia até então a Matías Fernández.[5]

Vidal perdeu o primeiro jogo da temporada devido a uma lesão, mas logo fez sua estreia em 19 de agosto de 2007, na derrota fora de casa contra Hamburgo. Ele começou na metade da temporada de jogos e marcou seu primeiro gol pelo clube em apenas três partidas. Ele estava sempre presente para a temporada 2008-09 e desempenhou uma boa atuação na campanha do Bayer para a final da Copa da Alemanha. Em 8 de março, ele sofreu uma convulsão durante o jogo contra o VfL Bochum e ficou fora por um mês. Após seu retorno, ele marcou um gol na vitória por 4–1 sobre Mainz na semifinal, mas perdeu no jogo seguinte contra o Werder Bremen.

A temporada 2010-11 seria a última de Vidal com o Bayer. Ele ajudou o clube a terminar como vice-campeão da Bundesliga e liderou ranking de assistências com 11.[6] Ele também marcou dois gols pela Liga Europa.

Juventus[editar | editar código-fonte]

Arturo Vidal atuando pela Juventus em 2012.

Em 22 de julho de 2011 transferiu-se para a Juventus por € 10,5 milhões em um contrato de cinco anos.[7] Ele fez sua estreia contra o Parma, entrando como substituto no segundo tempo de Alessandro Del Piero, marcando seu primeiro gol seis minutos depois de sua entrada em campo.[8] Conquistou o Campeonato Italiano de 2011-12, completando a série invicta. Ele marcou sete gols e três assistências durante o campeonato.

Em 19 de setembro de 2012, Vidal marcou seu primeiro gol na Liga dos Campeões da UEFA na fase de grupos empatando o jogo em 2 a 2 após sofrer o dois gols do Chelsea logo no começo do jogo.[9] Fez o gol do título da Juventus contra o Palermo de pênalti na vitória por 1–0 em 5 de maio de 2013, conquistando o campeonato italiano pela 31ª vez.[10]

Bayern de Munique[editar | editar código-fonte]

Em 23 de julho de 2015 foi contratado pelo Bayern de Munique por quatro temporadas.[11] Estreou quatro dias depois na decisão da Supercopa da Alemanha de 2015.[12]

Seleção Chilena[editar | editar código-fonte]

Vidal disputando bola com Kaká na Copa do Mundo de 2010

Vidal representou o time sub-20 do Chile no Campeonato Sul-Americano de 2007 no Paraguai, onde foi o segundo artilheiro do campeonato, com seis gols. Durante o torneio, ele jogou no meio-campo e ajudou a equipe a se classificar para a Copa do Mundo sub-20 de 2007, em que o Chile terminou em terceiro lugar, com Vidal marcando dois gols no torneio.[13] [14]


Estreou pela Seleção Chilena principal em 7 de fevereiro de 2007 em partida amistosa contra a Venezuela.[15] Desde então passou a ser presença constante nas convocatórias. Participou das Copas do Mundo de 2010 e 2014 e das edições da Copa América de 2011 e 2015. Nesta última sagrou-se campeão.

Seleção[editar | editar código-fonte]

Títulos[editar | editar código-fonte]

Colo-Colo
Juventus
Bayern de Munique
Seleção Chilena

Prêmios individuais[editar | editar código-fonte]

  • Medalha Bicentennial: 2012
  • Melhor equipe da Bundesliga: 2010–11[16]
  • Melhor equipe da Serie A: 2011–12, 2012–13
  • Jogador do mês Serie A: abril de 2013
  • Jogador da temporada Juventus: 2012–13[17]

Referências

  1. «Arturo Vidal - Bayer04.de». Consultado em 20 de outubro de 2009. 
  2. «Story so far: Juventus». Consultado em 14 de Dezembro de 2012. 
  3. «Il guerriero Vidal: "Questa Juve mi assomiglia: corre e lotta come me"». Consultado em 25 de Novembro de 2012. 
  4. «Bundesliga NEWS». Consultado em 17 de Janeiro de 2011. 
  5. «Bayern Leverkusen signse Chilean defender Vidal». Consultado em 14 de Março de 2008. 
  6. «Vidal’s thirst for silverware». Consultado em 29 de Setembro de 2012. 
  7. «Vidal in, Melo out at Juventus». Consultado em 22 de Julho de 2011. 
  8. «A Juventus abrir com vitória elegante». Consultado em 24 de Junho de 2012. 
  9. «Juve estraga estreia perfeita de Oscar». uefa.com. 19 de setembro de 2012. Consultado em 20 de setembro de 2012. 
  10. «Juventus vence Palermo e conquista Campeonato Italiano pela 29ª vez». Consultado em 5 de Maio de 2013. 
  11. «Vidal unterschreibt Vier-Jahres-Vertrag» (em alemão). Sítio oficial FC Bayern. 28 de julho de 2015. 
  12. «Vidal debütiert» (em alemão). Sítio oficial FC Bayern. 1 de agosto de 2015. 
  13. «Bronze garra Chile». Consultado em 22 de Julho de 2007. 
  14. «Vidal: This is Chile's greatest generation». Consultado em 8 de Outubro de 2012. 
  15. «Así ha sido la exitosa carrera de Arturo Vidal» (em espanhol). Terra.es. 28 de julho de 2015. 
  16. «Vidal en el equipo ideal de la Bundesliga: "Es omnipresente en el mediocampo"». Consultado em 25 de Outubro de 2010. 
  17. «Arturo Vidal, el mejor de la temporada para los hinchas de Juventus». Consultado em 21 de Março de 2013. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Arturo Vidal