Associação dos Estudos Cognitivos (Cognitive Science Society)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Campos disciplinares que contribuíram para o nascimento da Ciência cognitiva. In "The cognitive revolution: a historical perspective". TRENDS in Cognitive Sciences. George Armitage Miller (2003).

Associação dos Estudos Cognitivos (Cognitive Science Society) é uma associação profissional de caráter interdisciplinar para os estudos da ciência cognitiva. Reúne pesquisadores de campos de estudo distintos, com o objetivo comum de entender a natureza da mente humana, tais como inteligência artificial, lingüística, antropologia, psicologia, neurociência, filosofia e educação.[1]

Esta associação organiza uma conferência anual, um encontro que acolhe as mais recentes teorias e dados de pesquisadores das ciências cognitivas. A primeira reunião da conferência foi realizada em 1979 na Universidade da Califórnia, em San Diego em La Jolla, Califórnia.[2]

Em 1979, a sociedade foi constituída como uma associação profissional sem fins lucrativos em Massachusetts. A comissão organizadora incluiu Roger Schank, Allan Collins, Donald Norman, e uma série de outros estudiosos da psicologia, lingüística, ciência da computação e filosofia. Actualmente, tem mais de 1000 membros.[3]

Periódicos de Ciência Cognitiva[editar | editar código-fonte]

  • Ciência Cognitiva, 0364-0213.
  • Tópicos em Ciências Cognitivas 1756-8757

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Página: Cognitive Science Society. Página visitada em 07 de abril de 2013.
  2. Conferência Anual: Cognitive Science Society. Página visitada em 07 de abril de 2013.
  3. Página: Cognitive Science Society. Página visitada em 07 de abril de 2013.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

inglês