Associação lopinavir/ritonavir

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Estrutura química de Associação lopinavir/ritonavir
Associação lopinavir/ritonavir
Star of life caution.svg Aviso médico
Nome IUPAC (sistemática)
?
Identificadores
CAS 369372-47-4
ATC ?
PubChem 11979606
Informação química
Fórmula molecular ?
Massa molar ?
Farmacocinética
Biodisponibilidade ?
Metabolismo ?
Meia-vida ?
Excreção ?
Considerações terapêuticas
Administração Oral
DL50 ?

A associação lopinavir/ritonavir (LPV/r), comercializada sob a marca Kaletra, entre outras, é uma associação de dose fixa usada no tratamento e prevenção do VIH/SIDA.[1] O medicamento associa o lopinavir a uma dose baixa de ritonavir.[1] A sua utilização é geralmente indicada em combinação com outros antirretrovirais.[1] Pode também ser usada como forma de prevenção após um ferimento com seringas ou outra potencial exposição ao VIH.[1] É administrado por via oral em comprimidos, cápsulas ou solução oral.[1]

Os efeitos adversos mais comuns são diarreia, vómitos, cansaço, dor de cabeça e dor muscular.[1] Entre outros possíveis efeitos adversos mais graves estão pancreatite, problemas no fígado e elevado nível de glicose no sangue.[1] É frequentemente utilizado e aparenta ser seguro durante a gravidez.[1] Ambos os constituintes são inibidores da protease do VIH.[1] Está associado ao aumento na contagem de linfócitos T CD4, atuando assim no fortalecimento do sistema imunitário.[2] O ritonavir atua atrasando a decomposição do lopinavir.[1]

A associação lopinavir/ritonavir foi aprovada para uso nos Estados Unidos em 2000.[1] Faz parte da lista de medicamentos essenciais da Organização Mundial de Saúde, uma lista com os medicamentos mais seguros e eficazes fundamentais num sistema de saúde.[3]

Referências

  1. a b c d e f g h i j k «Lopinavir and Ritonavir». The American Society of Health-System Pharmacists. Consultado em 28 de novembro de 2016. Cópia arquivada em 20 de dezembro de 2016 
  2. «Kaletra FDA Label - Solution, tablet (film coated)». AIDSinfo (em inglês). Consultado em 27 de agosto de 2017 
  3. World Health Organization (2019). World Health Organization model list of essential medicines: 21st list 2019. Geneva: World Health Organization. hdl:10665/325771. WHO/MVP/EMP/IAU/2019.06. License: CC BY-NC-SA 3.0 IGO