Asterix e Cleópatra

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


Astérix et Cléopâtre
Álbum da série Astérix
Imagem ilustrativa padrão; esse artigo não possui imagem.
País de origem  França
Língua de origem Francês
Editora(s) Hachette
Primeira edição 1965
Primeira publicação Revista Pilote números 215 a 257 (5 de dezembro de 1963 - 24 de setembro de 1964)
Género(s) humor, aventura
Argumento René Goscinny
Desenho Albert Uderzo
Personagens principais Astérix, Obélix, Numérobis, Panoramix
Título(s) em português Asterix e Cleópatra
Títulos da série Astérix
Le Tour de Gaule d'Astérix
Le Combat des chefs

Asterix e Cleópatra (francês Astérix et Cléopâtre) é o sexto álbum da série de banda desenhada franco-belga Astérix, escrito por René Goscinny e ilustrado por Albert Uderzo, publicado nas edições 215 (5 de dezembro de 1963) a 257 (24 de setembro de 1964) da revista Pilote e republicado no formato álbum em 1965.

Enredo[editar | editar código-fonte]

A rainha Cleópatra faz uma aposta com César de que consegue construir um palácio em 3 meses para demonstrar que o Egipto não está decadente, nomeando Numeróbis como arquitecto.

Numeróbis viaja então até à Gália para pedir auxílio ao seu velho amigo Panoramix, que parte para o Egipto acompanhado por Astérix e Obélix.

A construção do palácio está repleta de tropas de César, mas os nossos amigos gauleses com o apoio de Cleópatra conseguem terminar o palácio a tempo.

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

Broom icon.svg
Se(c)ções de curiosidades são desencorajadas pelas políticas da Wikipédia.
Ajude a melhorar este artigo, integrando ao corpo do texto os itens relevantes e removendo os supérfluos ou impróprios (desde abril de 2012).
  • Pela primeira vez Obélix tem direito a provar a poção mágica (3 gotas).
  • Cleópatra sabe ler! No Antigo Egipto, os únicos que sabiam ler e escrever eram os escribas.
  • Existe uma piada com duplo sentido, quando Numeróbis cumprimenta Panoramix utilizando uma frase com 12 sílabas, e este responde dizendo "Um alexandrino." (alguém de Alexandria, ou um Verso alexandrino).
  • Obelix quebra o nariz da Esfinge. O nariz é enterrado com a garantia que ninguém o vai encontrar.
  • Asterix diz a Cleópatra para apelar aos gauleses para, por exemplo, eles construírem um canal entre os mares Mediterrâneo e Vermelho (Canal de Suez).

Outras línguas[editar | editar código-fonte]

  • Espanhol: Astérix y Cleopatra
  • Francês: Astérix et Cléopâtre (idioma original)
  • Inglês: Asterix and Cleopatra

Adaptações[editar | editar código-fonte]

Este álbum teve direito a duas adaptações a filme:

Ligações externas[editar | editar código-fonte]