Atalaia do Norte

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados de Atalaia, veja Atalaia.
Município de Atalaia do Norte
"Pérola do Javari"
Bandeira de Atalaia do Norte
Brasão de Atalaia do Norte
Bandeira Brasão
Hino
Fundação 23 de fevereiro de 1955
Gentílico atalaiense
Prefeito(a) Nonato do Nascimento Tenazor (PDT)
(2017–2020)
Localização
Localização de Atalaia do Norte
Localização de Atalaia do Norte no Amazonas
Atalaia do Norte está localizado em: Brasil
Atalaia do Norte
Localização de Atalaia do Norte no Brasil
04° 22' 19" S 70° 11' 31" O04° 22' 19" S 70° 11' 31" O
Unidade federativa  Amazonas
Mesorregião Sudoeste Amazonense IBGE/2008[1]
Microrregião Alto Solimões IBGE/2008[1]
Municípios limítrofes Benjamin Constant, Ipixuna, Guajará
Distância até a capital 1,136 km
Características geográficas
Área 76 354,985 km² (BR: 7º)[2]
População 18 599 hab. (AM: 42) –  estimativa populacional - IBGE/2016[3]
Densidade 0,24 hab./km²
Altitude 65 m
Clima equatorial Af
Fuso horário UTC-5
Indicadores
IDH-M 0,450 muito baixo PNUD/2010[4][5]
PIB R$ 100 414 mil IBGE/2013[6]
PIB per capita R$ 5 846 89 IBGE/2013[6]
Página oficial

Atalaia do Norte é um município brasileiro do interior do estado do Amazonas, Região Norte do país. Pertencente à Mesorregião do Sudoeste Amazonense e Microrregião do Alto Solimões, localiza-se a sudoeste de Manaus, capital do estado, distando desta cerca de 1.136 quilômetros.

Ocupa uma área de 76 354,985 km²[2] e sua população, estimada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 2016, era de 18 599 habitantes,[3] sendo assim o quadragésimo segundo município mais populoso do estado do Amazonas e o oitavo de sua microrregião.

O município de Atalaia do Norte é mundialmente conhecido por abranger grande parte da Terra Indígena Vale do Javari, a qual é a maior reserva de índios isolados do mundo,[7] além de ter sido o local de uma das maiores quedas cósmicas da história moderna, que ficou conhecida como Evento do Rio Curuçá.

História[editar | editar código-fonte]

Os habitantes originais da região eram os índios mangeronas, ticunas e marubas.

Em 1938 foi criado o distrito de "Remate de Males", subordinado ao município de Benjamin Constant. Foi elevado à categoria de município com a denominação de Atalaia do Norte pela lei estadual nº 96 de 19 de dezembro de 1955[8].

Demografia[editar | editar código-fonte]

Dados do Censo - 2000

População Total: 10.049

  • Urbana: 4.175
  • Rural: 5.874
  • Homens: 5.229
  • Mulheres: 4.820

Índice de Desenvolvimento Humano : 0,450

  • IDH-Renda: 0,493
  • IDH-Longevidade: 0,665
  • IDH-Educação: 0,518

O IDH Índice de Desenvolvimento Humano, da cidade é um dos piores do país, semelhante a de países africanos como: Zimbábue e Ruanda.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Possui uma área de 76.355 km² representando 4,8611 % do estado, 1,9815 % da região e 0,8987 % de todo o território brasileiro. Localiza-se a uma latitude 04º22'19" sul e a uma longitude 70º11'31" oeste, estando a uma altitude de 65 metros.

Clima[editar | editar código-fonte]

Infraestrutura[editar | editar código-fonte]

Saúde[editar | editar código-fonte]

A Secretaria de Estado da Saúde (SUSAM) mantém na sede do município uma Unidade Mista (tipo IV), destinada a prestar atendimento de pronto-socorro, maternidade, atendimento cirúrgico, odontológico e hospitalar para a população local e da periferia.

Educação[editar | editar código-fonte]

A Secretaria de Estado da Educação e Qualidade do Ensino (SEDUC) mantém no município cinco escolas, ministrando ensino médio e fundamental.

Referências

  1. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  2. a b IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 dez. 2010 
  3. a b «Estimativas da população residente no Brasil e Unidades da Federação com data de referência em 1º de julho de 2016» (PDF). Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. 12 de setembro de 2016. Consultado em 12 de setembro de 2016 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2010. Consultado em 31 de agosto de 2013 
  5. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2010). «Perfil do município: Atalaia do Norte, AM». Atlas do Desenvolvimento Humano no Brasil. Consultado em 28 de fevereiro de 2015 
  6. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2010-2013». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 19 de dezembro de 2015 
  7. Funai confirma existência de novo grupo de índios isolados no Vale do Javari (AM)
  8. Atalaia do Norte - formação administrativa
  9. Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). «Climatologia de Atalaia do Norte - AM». Jornal do Tempo. Consultado em 28 de janeiro de 2014 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]