Avenida Brás de Pina

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Avenida Brás de Pina é um dos principais eixos viários da Zona Norte do Rio de Janeiro. Sendo uma das vias com o maior fluxo de veículos da região da Zona Norte conhecida como Zona da Leopoldina, liga o bairro da Penha a Vista Alegre. Corta os bairros da Penha Circular e Vila da Penha, além de servir de fonteira entre os bairros de Brás de Pina, Vista Alegre e Irajá. A via faz parte do trajeto do BRT Transcarioca entre os bairros da Penha e Penha Circular.

Denominação[editar | editar código-fonte]

O nome da via se deve ao antigo proprietário das terras onde fica o bairro de mesmo nome, o empresário português Brás de Pina, que mantinha na região por onde a via passa um engenho de açúcar no século XVIII.

Trajeto[editar | editar código-fonte]

A avenida inicia-se entre as Ruas Ibiapina e José Mauricio, onde fica a Estação Penha II do BRT Transcarioca, passando pelo Largo da Penha, Viadutos da Penha Circular, Praça do Carmo, Avenida Oliveira Belo, Largo do Bicão e terminando na esquina entre a Estrada da Água Grande e a Rua Itapera, em Vista Alegre.

Entre Vista Alegre e Vila da Penha a via é mão dupla, da Vila da Penha até o entroncamento com a Avenida Vicente de Carvalho é mão única sentido Penha, voltando a ser mão dupla até a proximidade com o centro comercial da Penha, sendo mão única até o Largo da Penha onde passa o trafego de veículos para a Rua Monsenhor Alves da Rocha sentido Olaria. Trata-se hoje de um logradouro misto, contendo residências e estabelecimentos comerciais. Na via está localizada 4 estações do BRT Transcarioca:

Importantes Pontos[editar | editar código-fonte]

Comércio, Lazer e Serviços[editar | editar código-fonte]