Avenida Sombria 667

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A Avenida Sombria 667 é um apartamento ficcional que existe apenas na série "Desventuras em Série".

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Em “O Elevador Ersatz”, os órfãos Baudelaire passam a morar na cobertura do edifico, lar dos seus novos tutores Esmé e Jerome Squalor.

A Avenida Sombria 667 possui 66 andares, com um apartamento em cada andar. Há um par de portas de elevador em cada um, exceto o 66º, que possui dois pares. Entretanto, o elevador não é utilizado por não estar da moda (ou apenas “in”) e assim todos utilizam as escadas. Essa obsessão pelo que está “in” se reflete também no restante do edifício. Quando o tema náutico entrou da moda, o hall foi decorado para refletir isso.

Esmé Squalor usou algumas destas tendências para cometer crimes, considerando que o fato dos elevadores estarem “out” ajudou a esconder o uso do segundo par de portas do elevador localizado na cobertura.

Quando as portas do segundo elevador são abertas, apenas revelam um fosso muito profundo e sombrio. Essa passagem conduz até a Mansão Baudelaire, que foi destruída em um incêndio no “Mau começo”. Essa passagem foi utilizada como cativeiro para os irmãos Isadora e Duncan Quagmire.

Cobertura[editar | editar código-fonte]

O apartamento da cobertura possui 71 quartos de dormir, uma porção de salas de estar, salas de jantar, salas de café-da-manhã, salas de lanche, salas de sentar, salas de ficar em pé, salões de baile, banheiros, cozinhas e uma variedade de salas que pareciam não ter nenhuma serventia. É realmente gigantesca; dela possui-se uma vista privilegiada da cidade.