Ayllu

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde junho de 2018). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Um ayllu (quechua ou aimara), também aillo, é uma forma de comunidade familiar extensa originária da região andina com uma ascendência comum - real ou suposta - que trabalha em forma coletiva em um território de propriedade comum.

O império inca se organizava em ayllus que tinham a seu cargo uma extensão de terra que lhes servia para alimentarem-se. Os membros do ayllu trabalhavam sua terra, mas também tinham a obrigação de trabalhar a terra do estado para que também pudessem alimentar os governantes, os nobres, o exército, os artistas (entre eles os artesãos que trabalhavam as pedras e as mulheres que teciam para o império), os anciãos e os enfermos que não podiam se alimentar por si mesmos. Os povos que habitavam ayllu eram de alguma forma escolhidos de forma que a terra os presentiava com bons cultivos.