B. Traven

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
B. Traven
Nascimento 1882
Morte 26 de maio de 1969 (87 anos)
Cidade do México, México
Nacionalidade Alemanha Alemão
Ocupação Escritor
Magnum opus O Visitante da Noite e outros contos

B. Traven (datas incertas, possivelmente 1882-1969) é o pseudônimo principal de um dos autores mais enigmáticos da literatura moderna, conhecido especialmente pelo romance O Tesouro de Sierra Madre, adaptado para o cinema por John Huston e estrelado por Humphrey Bogart, em 1948.

Sua obra, com tendências anti-capitalistas e pró-anarquistas, apresenta com frequência uma visão de mundo árida e violenta.

De provável origem alemã, exilou-se em 1924 no interior do México, onde escreve suas primeiras novelas.

Conseguiu manter a identidade em segredo por toda sua vida, apesar de sua produção literária ter sido traduzida para inúmeras línguas, ultrapassando todas as barreiras do anonimato.

Principais livros[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre a biografia de um anarquista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre B. Traven