Baanes I Gnuni

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Baanes I Gnuni
Morte 451[1]
Etnia Armênio
Religião Catolicismo

Baanes I Gnuni foi um nobre armênio (naxarar) do século V da família Gnuni.

Vida[editar | editar código-fonte]

Se envolveu na revolta liderada por Bardanes II e os demais naxarares contra o Isdigerdes II (r. 438–457). Foram derrotados pelas tropas persas na Batalha de Avarair em 26 de maio de 451 e Baanes esteve entre os martirizados; seus apoiantes seus também foram executados.[2] Lázaro de Parpi também alude a seu martírio.[3]

Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Settipani, Christian (2006). Continuidade das elites em Bizâncio durante a idade das trevas. Os príncipes caucasianos do império dos séculos VI ao IX. Paris: de Boccard. ISBN 978-2-7018-0226-8