Babá (político)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Babá
Vereador do Rio de Janeiro
Período 1 de janeiro de 2015
até atualidade
Deputado federal pelo Pará Pará
Período 1 de janeiro de 1999
até 31 de dezembro de 2006
Deputado estadual pelo Pará Pará
Período 1 de janeiro de 1991
até 31 de dezembro de 1998
Vereador de Belém
Período 1 de janeiro de 1989
até 31 de dezembro de 1990
Vida
Nascimento 31 de outubro de 1953 (61 anos)
Faro
Dados pessoais
Partido PT (1981–2004)
PSOL (2003–)
Website Página oficial do Babá
Página do Babá no Facebook
linkWP:PPO#Brasil

João Batista Oliveira de Araújo, mais conhecido como Babá (Faro, Pará, 31 de outubro de 1953), é um político, engenheiro e professor universitário brasileiro, formado em engenharia mecânica e pós-graduado pelo ITA. É mestre em Política e Planejamento Urbano pelo IPPUR/UFRJ.[1] Atualmente, é docente da UFRJ. Desde o dia 1 de janeiro de 2015 é vereador da cidade do Rio de Janeiro.

Carreira Política[editar | editar código-fonte]

Entrou para o Partido dos Trabalhadores (PT) em 1981.

Como político, Babá foi vereador em Belém em 1989 e em 1990, deputado estadual de 1991 a 1998 e federal de 1999 a 2006. Foi militante da corrente Convergência Socialista até 1992 e a partir desse ano passou a militar na Corrente Socialista dos Trabalhadores (ambas trotskistas). Em 2003, foi expulso de seu partido, o PT, por discordar das ações do governo Lula.

Juntamente com a senadora Heloísa Helena e a deputada federal Luciana Genro, também expulsas do PT, Milton Temer e outros ativistas políticos, juvenis, sindicais e populares, fundou o Partido Socialismo e Liberdade (PSOL).[2]

Em 2004, transferiu seu domicílio eleitoral para o Rio de Janeiro para auxiliar na consolidação do partido criado. Em 2006 foi candidato a reeleição, obtendo 27.367 votos, passando a ser o primeiro suplente do deputado federal reeleito Chico Alencar (PSOL-RJ) a partir de 1 de fevereiro de 2007.

Em 2010, foi pré-candidato à presidência da República pelo PSOL.

Em 2012, foi candidato a vereador no município do Rio de Janeiro, obtendo 10.978 votos, e ocupando a primeira suplência pelo PSOL. Assumiu o mandato de vereador em 1º de fevereiro de 2015, devido a Eliomar Coelho (PSOL-RJ) ter sido eleito deputado estadual.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Ex coroinha, Baba descobriu o mundo com um megafone Folha. Visitado em 12 de maio de 2014.
  2. Baba reforca novo partido em mt GazetaDigital. Visitado em 12 de maio de 2014.
Ícone de esboço Este artigo sobre política é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.