Bagre-cego

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma infocaixa de taxonomiaBagre-cego
Bagre-cego (Amblyopsis spelaea)

Bagre-cego (Amblyopsis spelaea)
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Actinopterygii
Ordem: Percopsiformes
Família: Amblyopsidae

Os Bagres-cegos ou peixes cavernícolas são um grupo de peixes que são encontrados em cavernas e vivem exclusivamente no escuro, possuindo olhos e escamas notavelmente brancos.

São encontrados nas cavernas e túneis alagados das regiões norte-americanas, se alimentando de camarões e aracnídeos que caem na água, usando as vibrações da mesma para se orientar até a presa.

Algumas espécies de bagres-cegos estão sob risco de extinção.

Eles possuem uma espécie de bigode que os ajuda a tatear o ambiente onde estão.

Atualmente, sabe-se que o primeiro peixe cavernícola da Europa foi descoberto em uma formação aquática subterrânea no sul da Alemanha, o que evidencia um pensamento contrário ao que se acreditava ser verdade. Dessa forma, uma das principais autoras do estudo sobre a descoberta, a cientista Jasminca Behrmann-Godel da Universidade de Constanza disse: "Esta descoberta é espetacular porque até agora se pensava que a glaciação durante o Pleistoceno (que começou há 2,58 milhões de anos e acabou há 11.700 anos) tinha impedido os peixes na Europa de colonizar habitats aquáticos subterrâneos no norte".[1]

  1. «Mergulhador descobre primeiro peixe cavernícola da Europa» 
Ícone de esboço Este artigo sobre peixes é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.