Balgarska Armiya Stadium

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Balgarska Armia Stadium

Nomes
Nome Estádio do Exército Búlgaro
Antigos nomes Parque Atlético (1923-1944)
Estádio Chavdar (1944-1948)
Narodna Armia (1948-1990)
Balgarska Armia (1990-)
Características
Local Sofia, Bulgária
Gramado Grama natural (105m x 68m)
Capacidade 22.995 (18.495 lugares)
Construção
Data 1965
Inauguração
Data 1967
Expandido 1982, 1997, 2001, 2015, 2016
Proprietário Ministério da Educação Física e do Desporto
Administrador CSKA Sofia
Arquiteto Anton Karavelov, Simeon Ivanov
Mandante FC AS-23 (1923-1944)
FC Chavdar Sofia (1944-1948)
CSKA Sofia (1948-)

Balgarska Armia (em búlgaro: "Българска Армия", traduzido como Estádio do Exército Búlgaro) é o estádio do clube de futebol búlgaro CSKA Sofia. Está situado na Borisova gradina (Jardim do Rei Boris), no centro de Sofia. O estádio tem quatro setores e um total de 22.995 (18.495) assentos, dos quais 2.100 estão cobertos. O comprimento do gramado é de 105 metros e a largura é de 68 metros. [1]

Oo estádio é dividido em quatro setores:

  • Setor A: 6417 assentos
  • Setor B: 4889 assentos
  • Setor V: 5689 assentos
  • Setor G: 6000 (1500 lugares [2] )

O complexo esportivo também inclui campos de tênis, quadra de basquete e instalações de ginástica, bem como o CSKA Sofia Glory Museum. A sala de conferência de imprensa tem 80 assentos.

História[editar | editar código-fonte]

Construído em 1923 para a AS-23, o estádio era conhecido como Parque Atlético até 1944, quando a AS-23 se fundiu com outros dois clubes para formar o Chavdar Sofia. 

De 1944 a 1948 foi chamado de Estádio Chavdar. Entre 1948 e 1990 foi o Estádio do Exército do Povo, e desde 1990 é o Estádio Balgarska Armia. 

A estrutura atual foi construída pelo arquiteto Anton Karavelov no período entre 1965 e 1967 nos antigos terrenos da AS-23. Foi reconstruído novamente em 1982, e incluiu a introdução de holofotes.

Em 2000, o estádio foi equipado com um novo sistema de som surround Dynacord, com 48 quilowatts e 107 decibéis. A iluminação elétrica também é de última geração e cobre o campo com 2100 lux.

Desenvolvimentos[editar | editar código-fonte]

No início de 2009, os novos proprietários do clube anunciaram um ambicioso projeto para um novo estádio no lugar do atual, cuja construção só começaria se a CSKA Sofia se qualificasse para as fases de grupos da UEFA Europa League daquela temporada, que o clube fez.

Em 13 de outubro de 2009, os proprietários do clube anunciaram que a construção de um estádio começaria em 1º de fevereiro de 2010. O atual estádio deveria ser demolido para abrir espaço para o novo local moderno de 30 mil lugares. No entanto, a construção não começou pois as negociações entre os proprietários e o Ministério do Esporte não se concretizaram. Os proprietários do clube apenas reconstruiram algumas partes do estádio para receber a licença A do futebol búlgaro.[3]

Referência[editar | editar código-fonte]