Banco comunitário

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Rede Brasileira de Bancos Comunitários [1] (dados de 2010-2011). Em 2016, o Brasil já contava com 110 destas instituições.[2]

Banco comunitário é uma instituição depositária, normalmente desenvolvida e operada de forma local. Bancos comunitários tendem a concentrar-se nas necessidades dos negócios das famílias onde o banco possui agências provendo microcrédito. As decisões de financiamento são feitas por pessoas que compreendem as necessidades locais de famílias, agricultura, indústria e serviços. Os funcionários geralmente residem nas comunidades que servem.

Nos Estados Unidos, os bancos comunitários não são claramente definidos. A maioria das agências baseia este termo no tamanho dos ativos agregados com definições variáveis, como menos de U$S 1 bilhão (Office of the Comptroller of the Currency) até menos de U$S 10 bilhões (Federal Reserve Board and Government Accountability Office).[3] De 1985 a 2004, eles representaram cerca de 94% de todos os bancos nos Estados Unidos, mas a proporção de depósitos que os bancos comunitários detinham diminuiu de cerca de 25,89% em 1985 para 13,55% em 2003.[3][4][5]

No Brasil, os bancos comunitários podem emitir as moedas sociais, complementares ao Real. Em 2013, 103 destas moedas paralelas circulavam no país.[6] O Banco Central do Brasil determina que, para cada unidade de moeda social que emitir, o banco comunitário deve ter obrigatoriamente, R$ 1,00 em caixa.[7]

Bancos comunitários[editar | editar código-fonte]

Brasil[editar | editar código-fonte]

Palma: emitida desde 2001, pelo Banco Palmas.[6]

Estados Unidos[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Instituto Banco Palmas - Rede Brasileira de Bancos Comunitários. Acessado em 07/09/2017.
  2. Jornal do Comércio - O que tirar da experiência dos bancos comunitários. Roberta Fofonka, 3 de Fevereiro de 2016. Acessado em 07/09/2017.
  3. a b Federal Deposit Insurance Corporation - FYI: An Update on Emerging Issues in Banking. Trends in Community Banking 18 de Maio de 2004, (em inglês) Acessado em 07/09/2017.
  4. Federal Deposit Insurance Corporation - The Future of Banking in America Community Banks: Their Recent Past, Current Performance, and Future Prospects. Tim Critchfield, Tyler Davis, Lee Davison, Heather Gratton, George Hanc & Katherine Samolyk. Janeiro de 2005, (em inglês) Acessado em 07/09/2017.
  5. Federal Deposit Insurance Corporation - Consolidation in the U.S. Banking Industry: Is the "Long, Strange Trip" About to End ? Kenneth D. Jones & Tim Critchfield, Janeiro de 2006, (em inglês) Acessado em 07/09/2017.
  6. a b Terra - Além do real, Brasil tem 103 moedas sociais em circulação. 18 de Junho de 2013. Acessado em 07/09/2017.
  7. Regulação do Sistema Financeiro Nacional - desafios e propostas de aprimoramento institucional. Autor: Marlos Lopes Godinho Erling. Leya, 2015, (especificar página) ISBN 9788584930876 Adicionado em 07/09/2017
  8. World News - Vídeo: Banco Palmas - Projeto Brasil27. Postado em 13 de Março de 2014. Acessado em 07/09/2017.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Community Banking: From Crisis to Prosperity. Autor: Timothy W. Koch. Makawk Books, 2013, (em inglês) ISBN 9780989900300 Adicionado em 7 de setembro de 2017.
  • Caçadores de bons exemplos. Autores: Iara Xavier & Eduardo Xavier. Leya, 2015, ISBN 9788577345953 Adicionado em 7 de setembro de 2017.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]