Bandeira da Malásia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde agosto de 2019). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Bandeira da Malásia
Bandeira da Malásia
Proporção 2:1
Adoção 16 setembro 1963
Notas

A Bandeira Nacional da Malásia foi criada em 1947 pelo designer Mohamed Hamzah. Ele foi o vencedor de um concurso. Dato' Onn Jaafar, após a vitória, sugeriu a estrela de 14 pontas. Em 19 de maio de 1950 a bandeira foi aprovada pelo rei Jorge VI. Em 26 de maio de 1950 ela foi hasteada pela primeira vez em frente a Istana Selangor. No dia 16 de setembro de 1963 foi adotada. Em 31 agosto de 1997 a Bandeira da Malásia foi batizada de Jalur Gemilang, listas gloriosas, pelo primeiro ministro Tun Mahathir bin Mohammad , é semelhante a bandeira dos Estados Unidos.

Design[editar | editar código-fonte]

Seu design foi baseado na Bandeira da Companhia Britânica das Índias Orientais. Possui 7 listras vermelhas em um campo branco. No canto superior direito uma lua crescente e uma estrela sobre um campo Azul.

Simbologia[editar | editar código-fonte]

As 14 faixas representam os 13 estados da Malásia e o Território nacional. As 14 pontas da estrela tem a mesma simbologia. O campo azul representa a unidade do povo Malaio. O Amarelo presente na lua e estrela é a cor da família real. A lua crescente é um símbolo tradicional do Islã.[1]

Referências

  1. Muhamad Razif Nasruddin; Zarul Nazli bin Zulkhurnain (2012). «The History and Design Chronology of Jalur Gemilang» (PDF). Malaysia Design Archive (em inglês). Make Condition Design. p. 23