Baron Corbin

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Baron Corbin
Baron Corbin as United States Champion.jpg
Corbin como Campeão dos Estados Unidos em 2017.
Informações pessoais
Nome completo Thomas Pestock
Nascimento 13 de setembro de 1984 (34 anos)
Lenesa, Kansas, Estados Unidos
Carreira na luta livre profissional
Nome(s)
de ringue
Baron Corbin
Altura
anunciada
2 03 m[1]
Peso
anunciado
270 lb (122 kg)[1]
Anunciado
de
Kansas City, Kansas[1]
Treinado
por
WWE Performance Center
Estreia 2012

Thomas Pestock[2][3] (Lenesa, 13 de setembro de 1984) é um lutador de luta livre profissional americano. Ele atualmente trabalha para a WWE no programa RAW sob o nome de ringue Baron Corbin.

Ele é ex-jogador do Indianapolis Colts e do Arizona Cardinals da National Football League (NFL), ele também já foi três vezes Luva de Ouro.[4] Corbin é o vencedor do terceiro anual André the Giant Memorial Battle Royal na WrestleMania 32. Em 2017, Corbin venceu a luta Money in the Bank por uma oportunidade pelo Campeonato da WWE, e se tornou o terceiro lutador á falhar em um cash-in e não conquistar um título, depois de perder para o campeão Jinder Mahal. Logo depois, Corbin conquistou seu primeiro título na WWE, o Campeonato dos Estados Unidos da WWE.

Carreira no futebol americano[editar | editar código-fonte]

Indianapolis Colts[editar | editar código-fonte]

Pestock assinou com os Indianapolis Colts em 27 de Abril de 2009 depois de não ser draftado no 2009 NFL Draft. Ele foi demitido dos Colts em 13 de agosto e depois foi recontratado pelo time em 19 de agosto. Ele foi demitido pelos Colts em 5 de setembro.[5]

Arizona Cardinals[editar | editar código-fonte]

Pestock assinou com os Arizona Cardinals em 18 de janeiro de 2010. Ele foi demitido pelos Cardinals em 3 de setembro e assinou com o time de treino dos Cardinais. Ele foi liberado dos Cardinals em 2 de setembro de 2011.[5]

Carreira na luta profissional[editar | editar código-fonte]

NXT (2013–2016)[editar | editar código-fonte]

Depois de assinar com a WWE em 2012, Corbin fez sua estréia na televisão em 08 de maio de 2013 episódio do NXT, perdendo para Damien Sandow.[6] Em 29 de maio, Corbin participou de uma battle royal que determinaria o desafiante número um ao NXT Championship, sendo eliminado logo no início da luta por Mason Ryan.[7] Em seguida, ele fez várias aparições, sendo uma destas outra battle royal que determinaria o desafiante número 1 ao NXT Championship, antes de seu recomeço.

Corbin enfrentando Rhyno em março de 2015 durante a semana da WrestleMania 31.

Depois de uma longa ausência, um novo Corbin retornou em 11 de setembro de 2014, no NXT TakeOver: Fatal 4-Way, onde derrotou CJ Parker.[8] Corbin novamente derrotou Parker em uma revanche em 18 de setembro no episódio do NXT.[9] Corbin, então, ganhou várias lutas, sempre com pouco tempo de duração,[10][11][12] até cruzar o caminho de Bull Dempsey, que também ganhava suas lutas rapidamente. Isto levou a uma rivalidade entre os dois para ver quem conseguia vencer seus respectivos adversários mais de pressa.[13][14] No NXT TakeOver: R Evolution, Corbin teve uma briga com Dempsey depois de vencer sua partida contra Tye Dillinger. Sua luta com Dempsey finalmente aconteceu, com Corbin vencendo e quebrando a série de vitórias de Dempsey.[15] Corbin participou de um torneio que determinaria o desafiante número 1 ao NXT Championship, derrotando Touro Dempsey na primeira rodada, mas, em seguida, sendo eliminado por Adrian Neville na semi-final, que terminou com a série invicta de Corbin.[16] No NXT TakeOver: Rival, Corbin derrotou Dempsey em uma luta sem desqualificação para encerrar sua rivalidade com o mesmo.[17] Ele depois competiu em um torneio de qualificação para a André the Giant Memorial battle royal no Axxess da WrestleMania 31, mas perdeu na primeira rodada para Finn Bálor.[18]

No episódio de 6 de maio do NXT, Rhyno derrotou Dempsey e depois desafiou Corbin para um combate no NXT TakeOver: Unstoppable.[19] Na semana seguinte no NXT, Corbin derrotou Solomon Crowe e se tornou um heel quando mostrou uma personalidade mais arrogante depois que a multidão se virou sobre ele e seus combates curtos, o que culminou em Corbin encarando Rhyno e brigando com ele.[20] No Unstoppable em 20 de maio, Corbin derrotou Rhyno via pinfall para terminar a rivalidade.[21] Em 12 de agosto no episódio do NXT, Corbin derrotou Axel Tischer e depois atacou Steve Cutler, executando um End of Days nos dois, antes de Samoa Joe interferir para desafiar Corbin e começar uma briga, aplicando o Coquina Clutch em Corbin.[22] Na semana seguinte no NXT, Corbin atacou Joe depois de sua luta, executando o End of Days e criando uma luta para o NXT TakeOver: Brooklyn.[23] No evento em 22 de agosto, Joe venceu depois de Corbin desacordar para o Coquina Clutch.[24]

Corbin depois fez time com seu antigo rival Rhyno como uma tag team para terem seu lugar no torneio Dusty Rhodes Tag Team Classic.[25] Em 2 de setembro no episódio do NXT, eles derrotaram The Ascension na primeira rodada.[26] Eles depois derrotaram Johnny Gargano e Tommaso Ciampa na segunda rodada.[27] No NXT TakeOver: Respect em 7 de outubro, Corbin e Rhyno derrotaram Chad Gable e Jason Jordan para avançar para a final do torneio, onde eles perderam para Finn Bálor e Samoa Joe.[28] Depois do evento, uma battle royal foi feita para determinar o desafiante número um ao NXT Championship, na qual Corbin foi o último eliminado por Apollo Crews, a quem Corbin atacou em seu combate pelo título lhe custando o título, provocando uma rivalidade entre os dois e culminando em uma luta no NXT TakeOver: London em 16 de dezembro, onde Corbin derrotou Crews.[29]

Em janeiro de 2016, Corbin foi envolvido em uma luta triple threat entre Sami Zayn e Samoa Joe em 27 de janeiro no episódio do NXT para determinar o desafiante número um ao NXT Championship de Finn Bálor, mas Corbin foi derrotado depois de ambos Zayn e Joe aplicarem suas submissões em Corbin ao mesmo tempo, com Corbin desistindo.[30] O Gerente Geral do NXT William Regal não deu a Corbin outra oportunidade pelo título, levando a Corbin afirmar que Regal "se arrependeria" de sua decisão, que culminou no episódio de 2 de março do NXT, com Corbin atacando Austin Aries por trás depois de Regal introduzi-lo, começando uma rivalidade entre os dois que resultou em uma luta no NXT TakeOver: Dallas em 1 de abril, onde Corbin foi derrotado por Aries.[31] Em 13 de abril no episódio do NXT, Corbin derrotou Tucker Knight na sua última aparição no NXT.[32][33]

Vencedor do André the Giant Memorial Trophy (2016–2017)[editar | editar código-fonte]

Corbin fez a sua estréia no plantel principal na WrestleMania 32 em 3 de abril, vencendo a André the Giant Memorial battle royal eliminando por último Kane.[34] Corbin depois estreou no Raw na noite seguinte, competindo em uma luta que acabou em dupla contagem contra Dolph Ziggler, mas continuou seu ataque após a luta, executando um End of Days no chão da arena em Ziggler.[35] Corbin enfrentou Ziggler no pré-show do Payback em 1 de maio, onde foi derrotado por um roll-up, perdendo sua primeira luta no plantel principal.[36] Na noite seguinte no Raw, Ziggler eliminou Corbin de uma battle royal para determinar o desafiante número um ao Campeonato dos Estados Unidos da WWE, e imediatamente após isso Corbin atacou furiosamente Ziggler, causando sua eliminação para Rusev.[37] Corbin derrotou Ziggler decisivamente em 9 de maio no episódio do Raw, deixando o placar de vitórias entre eles em 1-1.[38] No pré-show do Extreme Rules em 22 de maio, Corbin derrotou Ziggler em uma luta sem desqualificações.[39] Na noite seguinte no Raw, Ziggler confrontou Corbin e o desafiou para uma luta técnica em 30 de maio no episódio do Raw que Corbin aceitou.[40] A luta ocorreu na semana seguinte no Raw, com Corbin vencendo por desqualificação depois de Ziggler o atacar com um low blow.[41] Corbin e Ziggler se enfrentaram no Money in the Bank em 19 de junho,[42] onde Corbin derrotou Ziggler para encerrar a rivalidade.[43]

Em 19 de julho no WWE draft de 2016, Corbin foi transferido para a brand do SmackDown.[44] Em 2 de agosto no episódio do SmackDown, Corbin foi derrotado por Apollo Crews em uma luta triple threat também envolvendo Kalisto com o vencedor ganhando uma luta pelo Campeonato Intercontinental contra The Miz no SummerSlam em 21 de agosto.[45] Corbin então iria atacar Kalisto nos bastidores nas semanas seguintes, o culpando por sua perda depois dele ter sofrido o pin, com Kalisto sendo eventualmente lesionado por Corbin e ficando fora de ação por vários meses.[46] No Backlash em 11 de setembro, Corbin derrotou Apollo Crews no pré-show.[47] Corbin então começou uma rivalidade com Jack Swagger, que derrotou Corbin quando o árbitro acreditou que Corbin to desistiu quando ele buscava as cordas enquanto ele estava no Patriot Lock.[48] Corbin venceria Swagger no No Mercy em 9 de outubro[49] e em 18 de outubro no SmackDown para acabar com sua rivalidade.[50] Em 1 de novembro no episódio do SmackDown, Corbin se juntou ao Time SmackDown para o Survivor Series.[51] Porém, na semana seguinte ele foi (kayfabe) lesionado pelo retornante Kalisto e foi removido do Time SmackDown.[52] Corbin retaliou o ataque depois de custar a Kalisto o Campeonato dos Pesos-Médios da WWE no Survivor Series quando ele atacou ambos Brian Kendrick e Kalisto, resultando em uma vitória por desqualificação de Kendrick.[53] Em 22 de novembro no episódio do SmackDown, Corbin derrotou Kane por desqualificação despoide de Kalisto interferir e atacar Corbin com uma cadeira.[54] Isso levou á uma luta de cadeiras entre os dois no TLC: Tables, Ladders & Chairs em 4 de dezembro,[55] que Corbin ganhou.[56] Corbin novamente derrotou Kalisto em uma revanche no episódio seguinte do SmackDown para terminar sua rivalidade.[57]

Corbin depois de atacar Dolph Ziggler em dezembro de 2016

Em 20 de dezembro no episódio do SmackDown, Corbin confrontou Dolph Ziggler, que tinha acabado de se tornar o desafiante número um ao Campeonato da WWE de AJ Styles, e os dois tiveram uma luta com o título de desafiante número um de Ziggler em jogo, mas a luta acabou em dupla contagem fazendo com que o Gerente Geral do SmackDown Daniel Bryan fizesse uma luta triple threat pelo Campeonato da WWE para o dia 27 de dezembro entre Styles, Ziggler e Corbin.[58] A luta foi a primeira oportunidade de Corbin por um título mundial na WWE, sendo vencida por Styles que fez o pin em Ziggler.[59] Em 10 de janeiro no episódio do SmackDown, Corbin sofreu sua primeira derrota por pinfall no plantel desde maio de 2016 para John Cena.[60] No evento do Royal Rumble em 29 de janeiro, Corbin entrou na luta Royal Rumble como número 13, notavelmente eliminando o integrante do Raw Braun Strowman e depois de 32 minutos sendo eliminado por The Undertaker.[61][62] Em 7 de fevereiro no episódio do SmackDown, Corbin derrotou AJ Styles, o Campeão Intercontinental Dean Ambrose e The Miz em uma luta fatal four-way,[63] mas no Elimination Chamber em 12 de fevereiro ele foi o primeiro eliminado na luta Elimination Chamber pelo Campeonato da WWE por Ambrose que usou um roll-up, e imediatamente o atacou, o que resultou na eliminação de Ambrose.[64] Em 7 de março no episódio do SmackDown, Corbin atacou Dean Ambrose por trás com um tubo de metal e tentou esmagá-lo debaixo do caminhão de trabalho. Em 21 de março no episódio do SmackDown, Corbin foi derrotado por Randy Orton depis de Dean Ambrose distraí-lo durante a luta, criando um combate na WrestleMania 33 pelo Campeonato Intercontinental da WWE. A luta foi mais tarde movida para o Kickoff (começo) do Show onde Corbin saiu derrotado na luta pelo título.[65] Em 4 de abril no episódio do SmackDown, Corbin derrotou Ambrose em uma luta Street Fight numa revanche sem o título em jogo,[66] que seria a última, pois Ambrose, com o título, foi movido para a brand do Raw como resultado do WWE Superstar Shake-up.[67] Na semana seguinte, Corbin falhou em se tornar o desafiante número um pelo título dos Estados Unidos depois de ser derrotado em uma luta triple threat envolvendo AJ Styles e Sami Zayn.[68] Em 26 de abril de 2017, foi anunciado que Corbin tinha sido suspenso por uma semana e multado pelo comissário do SmackDown Shane McMahon depois que ele empurrou um funcionário após atacar Sami Zayn no Talking Smack.[69] No Backlash Corbin foi derrotado por Zayn.

Mr. Money in the Bank e Campeão dos Estados Unidos (2017–presente)[editar | editar código-fonte]

Em 23 de maio no episódio do SmackDown, Corbin foi anunciado com um participante da Money in the Bank Ladder match de 2017 no pay-per-view do Money in the Bank, onde ele venceu a luta e a maleta do Money in the Bank em 18 de junho.[70] Em 27 de junho no episódio do SmackDown, Corbin derrotou Zayn para terminar com a rivalidade. Corbin começou outra rivalidade com Shinsuke Nakamura, a quem ele atacou na Money in the Bank Ladder match. No Battleground, Corbin foi derrotado por Nakamura por desqualificação depois que ele o atacou com um low blow. No episódio seguinte do SmackDown, Nakamura derrotou Corbin em uma revanche. Depois da edição de 1 de agosto do SmackDown, após Nakamura derrotar Cena para se tornar o desafiante número um ao Campeonato da WWE no SummerSlam, Corbin atacou Nakamura, sendo logo após atacado por Cena, que executou um Attitude Adjustment em Corbin na mesa de comentaristas. Foi anunciado na semana seguinte pelo Gerente Geral do SmackDown Daniel Bryan que Corbin enfrentaria Cena no SummerSlam. Corbin fez o cash-in da sua maleta do Money in the Bank em 15 de agosto na edição do SmackDown, mas foi rapidamente derrotado por Jinder Mahal depois de atacar Cena, se tornando a terceira pessoa a não ter sucesso no cash in do contrato do Money in the Bank e a segunda pessoa depois de Damien Sandow a perder uma luta após realizar o cash-in. Corbin após isso foi derrotado por Cena no SummerSlam.

Em 22 de agosto no episódio do SmackDown, Corbin foi abordado por Kevin Owens para ser o árbitro da luta pelo Campeonato dos Estados Unidos mais tarde naquela noite entre Owens e o campeão, AJ Styles, com a promessa de uma futura luta pelo título se Owens vencesse. Corbin iria abandonar a luta depois de receber críticas de Shane McMahon por sua conduta, dando á ele a função de árbitro do combate. Na semana seguinte, Corbin atacaria Tye Dillinger, que respondeu ao desafia aberto de Styles pelo título. Na semana seguinte, Corbin derrotou Tye Dillinger com Styles nos comentários. Em 19 de setembro no SmackDown Live, antes de uma luta programada contra Styles, Corbin o atacou, resultando em Dillinger atacando Corbin. Styles aplicou seu Calf Crusher em Corbin, o forçando a desistir. Corbin derrotou Dillinger em 26 de setembro no episódio do SmackDown Live depois de jogar Dillinger em Styles. Corbin depois desafiou Styles para uma luta no Hell in a Cell, que Styles mais tarde aceitou. No Hell in a Cell, Dillinger foi adicionado á luta fazendo com que se tornasse uma luta triple threat, com Corbin derrotando Dillinger e Styles para conquistar o título. No episódio seguinte do SmackDown, Corbin derrotou Styles para reter o Campeonato dos Estados Unidos. Em 17 de outubro na edição do SmackDown Live, Corbin foi derrotado pelo retornante Sin Cara por contagem. Em 13 de outubro na edição do Raw, Corbin foi parte do plantel do Smackdown que invadiu o Raw. Em 24 de outubro no episódio do SmackDown, ele enfrenou Sin Cara em uma revanche, perdendo por desuqalificação. Corbin iria enfrentar Sin Cara novamente na semana seguinte, com a luta terminando sem resultado. Corbin reteve o título contra Sin Cara em 14 de novembro no episódio do Smackdown Live, terminando sua rivalidade com o mesmo. No Survivor Series, ele derrotou o Campeão Intercontinental The Miz em uma luta interbrand Champion vs Champion. No Clash of Champions Corbin perdeu seu título dos Estados Unidos para Dolph Ziggler em uma luta triple threat que também envolvia Bobby Roode terminando seu reinado em 70 dias.

Corbin entrou como numero 4 na Royal Rumble Match no evento de mesmo nome, mas falhou em ganhar a luta ao ser eliminado por Finn Balor. Após sua eliminação, corbin atachou Balor, Rusev e Heath Slater. No episódio do Smackdown do dia 13 de fevereiro, Corbin foi escalado para enfrentar Dolph Ziggler para determinar quem entraria na luta pelo WWE Championship no Fastlane, mas Kevin Owens e Sami Zayn atacaram Corbin no backstage antes da luta. Após o ataque, o comissionário do Smackdown Shane McMahon anunciou que Corbin iria enfrentar Owens nessa mesma noite, luta a qual Corbin venceu, ganhando um lugar na luta pelo WWE Championship. No Fastlane, Corbin falhou em ganhar a luta quando Styles fez o pin sobre Owens para reter o título.[71] No episódio do Smackdown do dia 20 de março, Corbin derrotou Tye Dillinger, aonde, após a luta, Corbin anunciou queiria participar da Andre The Giant Memorial Battle Royal na WrestleMania 34.[72] Na luta, Corbin ficou em segundo lugar após ser eliminado por "Woken" Matt Hardy.[73]

Figura de autoridade do Raw (2018-agora)[editar | editar código-fonte]

No dia 16 de abril, Corbin foi escolhido para ir ao RAW como parte 2018 WWE Superstar Shake-up.[74] No episódio do Raw do dia 23 de abril, Corbin atacou No Way Jose na rampa de entrada após se recusar a lutar contra ele. No episódio do Raw do dia 4 de junho, ele foi escolhido para o papel de "Constable do Raw" por Stephanie McMahon.[75] Na semana seguinte, Corbi estreou um novo visual, cortando seu cabelo e passando a vestir terno.[76] Ele então começou uma feud com Finn Bálor, e eles se enfrentaram no Extreme Rules , onde Corbin perdeu.[77] Corbin iria enfrentar Bálor em uma revanche no SummerSlam, na qual Corbin perdeu após Bálor emergir ao ringe como seu alterego de Demon e derrotá-lo rapidamente. Na noite seguinte, no Raw, Corbin foi nomeado General Manager após Stephanie mandar Angle de férias. No dia 17 de setembro, Corbin se colocou para enfrentar Roman Reigns pelo WWE Universal Championship, mas não obteve sucesso em vencer o título.[78]

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

O pai de Pestock morreu em 2008 devido a complicações por causa da doença de Creutzfeldt-Jakob.[79] Pestock usa o anel de casamento de seu pai em um colar como um tributo, tendo também tatuagens de seu pai e avô na perna, bem como tatuagens lembrando seus amigos, a estrela de Jackass Ryan Dunn e o produtor de Jackass Zachary Hartwell, os quais ambos morreram em um acidente de carro em junho de 2011.[80]

Pestock credita Billy Gunn, Bill DeMott, Corey Graves, Kane e Dusty Rhodes como as pessoas que ajudaram a desenvolver seu personagem e personalidade.[81]

No wrestling[editar | editar código-fonte]

Títulos e prêmios[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c d e «Baron Corbin». WWE. Consultado em 12 de dezembro de 2014 
  2. «Tom Pestock profile». NFL. Consultado em 12 de dezembro de 2014 
  3. «Baron Corbin Profile». Online World of Wrestling. Consultado em 12 de dezembro de 2014 
  4. «Home». WWE (em inglês) 
  5. a b «Tom Pestock». kffl.com. Consultado em 5 de maio de 2015 
  6. «JAMES'S WWE NXT REPORT 5/8 Week 45: Wyatt Family captures Tag Titles, Ohno turning face?, Sandow in action, Paige vs. Summer Rae feud continues, Overall Reax». PWTorch. Consultado em 12 de dezembro de 2014 
  7. «JAMES'S WWE NXT RESULTS 5/29 & 6/5: Wyatts defend Tag Titles, NXT Women's Title introduced, #1 contender battle royal, Parade of released NXT wrestlers in matches». PWTorch. Consultado em 12 de dezembro de 2014 
  8. «JAMES'S WWE NXT "TAKEOVER FATAL4WAY" REPORT 9/11: Neville defends NXT Title in big main event, new NXT Tag Champs, KENTA debuts, Charlotte defends Women's Title, more». PWTorch. Consultado em 12 de dezembro de 2014 
  9. «JAMES'S WWE NXT REPORT 9/18 - Week 116: KENTA/Itami makes WWE in-ring debut, fall-out from "Takeover," Overall Reax». PWTorch. Consultado em 14 de dezembro de 2014 
  10. «JAMES'S WWE NXT RESULTS 10/2 - Week 120: Neville defends NXT Title, Charlotte defends Women's Title, Itami; Overall Reax». PWTorch. Consultado em 14 de dezembro de 2014 
  11. «JAMES'S WWE NXT REPORT 10/16 - Week 122: Sami Zayn vs. Tyson Kidd main event, Women's champ Charlotte; Overall Reax». PWTorch. Consultado em 14 de dezembro de 2014 
  12. «JAMES'S WWE NXT REPORT 10/30 - Week 124: Zayn vs. O'Neil main event, battle royal, more; Overall Reax». PWTorch. Consultado em 14 de dezembro de 2014 
  13. «JAMES' WWE NXT REPORT 11/20 - Week 127: Kevin Steen's debut teased, Zayn vows to quit if he doesn't win NXT Title, Overall Reax». PWTorch. Consultado em 14 de dezembro de 2014 
  14. «JAMES'S WWE NXT REPORT 12/4 - Week 129: Final hype for "Takeover" special, Neville-Zayn final promo exchange, Itami & Balor tag main event, Charlotte; Overall Reax». PWTorch. Consultado em 14 de dezembro de 2014 
  15. «JAMES'S WWE NXT TAKEOVER "R-EVOLUTION" REPORT 12/11: Zayn completes two-year quest, Owens debuts, more; Overall Reax». PWTorch. Consultado em 14 de dezembro de 2014 
  16. a b «411's WWE NXT Report 2.4.15». 411Mania. Consultado em 4 de fevereiro de 2015 
  17. «'WWE NXT Takeover: Rival' Results - New Champions Crowned, New #1 Contender, More». WrestlingInc.com. Consultado em 25 de agosto de 2015 
  18. Jason Namako. «WWE NXT Results - 4/8/15 (WrestleMania AXXESS special) - Wrestleview.com». wrestleview.com. Consultado em 25 de agosto de 2015 
  19. «WWE NXT Results (5/6): Hideo Itami Vs. Tyler Breeze, Michael Cole Interviews Kevin Owens & Sami Zayn». WrestlingInc.com. Consultado em 25 de agosto de 2015 
  20. «WWE NXT Results (5/13): Sami Zayn And Kevin Owens Meet Face-To-Face, New TakeOver Matches Set, More». WrestlingInc.com. Consultado em 25 de agosto de 2015 
  21. «'WWE NXT Takeover: Unstoppable' Results: Major Name Debuts, Three Championship Matches». WrestlingInc.com. Consultado em 25 de agosto de 2015 
  22. «WWE NXT Recap (8/12): Bayley Vs. Becky Lynch Top Contender's Match, Finn Balor, Samoa Joe, Owens». WrestlingInc.com. Consultado em 25 de agosto de 2015 
  23. «WWE NXT Recap (8/19): Kevin Owens, Finn Balor, Samoa Joe, Enzo & Cass, Bayley, Sasha Banks, More». WrestlingInc.com. Consultado em 25 de agosto de 2015 
  24. «WWE NXT 'Takeover: Brooklyn' Results - Ladder Match, New Champions, Apollo Crews, More». WrestlingInc.com. Consultado em 25 de agosto de 2015 
  25. Marc Middleton (2 de setembro de 2015). «Full Brackets For The WWE NXT Dusty Rhodes Tag Team Classic Tournament». WrestlingInc.com. Consultado em 3 de setembro de 2015 
  26. Sean Ross Sapp (2 de setembro de 2015). «WWE NXT Recap (9/2): Two Dusty Rhodes Classic Match, Indy Stars Debut, Matches Set For Next Week». WrestlingInc.com. Consultado em 3 de setembro de 2015 
  27. Middleton, Marc. «** SPOILERS ** WWE NXT Tapings Airing In September». Wrestling Inc. Consultado em 11 de setembro de 2015 
  28. «WWE NXT 'Takeover: Respect' Results - Iron Man Match, Dusty Rhodes Tag Team Classic, Asuka, More - WrestlingInc.com». Consultado em 12 de junho de 2016 
  29. «12/16 WWE NXT Takeover Report by Justin James -». 16 de dezembro de 2015. Consultado em 10 de fevereiro de 2017 
  30. James, Justin. «1/27 WWE NXT Report – big #1 contender match, A-Riley returns, more». Pro Wrestling Torch. Consultado em 25 de março de 2016 
  31. «4/1 NXT Takeover: Dallas Results - CALDWELL'S Complete Live Report on Nakamura vs. Zayn». 1 de abril de 2016. Consultado em 10 de fevereiro de 2017 
  32. «4/13 WWE NXT Results - James's Report on Shinsuke Nakamura Wed. Night debut, Austin Aries, Gargano & Ciampa, Bayley post-title loss, Tessa Blanchard, more». 13 de abril de 2016. Consultado em 10 de fevereiro de 2017 
  33. «Hubard native WWE». pamplinmedia.com. Consultado em 10 de fevereiro de 2017 
  34. Caldwell, James. «4/3 WrestleMania 32 PPV Results – CALDWELL'S Complete Live Report on Main PPV». Pro Wrestling Torch. Consultado em 3 de abril de 2016 
  35. Caldwell, James. «4/4 WWE Raw Results – CALDWELL'S Complete Report on post-WM32». Pro Wrestling Torch. Consultado em 4 de abril de 2016 
  36. Passero, Mitch. «Dolph Ziggler def. Baron Corbin (WWE Payback 2016 Kickoff Match)». WWE. Consultado em 1 de maio de 2016 
  37. Powell, Jason. «05/02 Powell's WWE Raw Live TV Review». prowrestling.net. Consultado em 18 de maio de 2016 
  38. Caldwell, James. «5/9 WWE Raw Results – CALDWELL'S Complete Live TV Report». Pro Wrestling Torch. Consultado em 10 de maio de 2016 
  39. Taylor, Scott. «Baron Corbin def. Dolph Ziggler (No Disqualification Match)». WWE. Consultado em 22 de maio de 2016 
  40. Caldwell, James. «5/30 WWE Raw Results – CALDWELL'S Complete Live TV Report». Pro Wrestling Torch. Consultado em 3 de junho de 2016 
  41. Caldwell, James. «6/6 WWE Raw Results – CALDWELL'S Complete Live TV Report». Pro Wrestling Torch. Consultado em 7 de junho de 2016 
  42. Benigno, Anthony. «Dolph Ziggler vs. Baron Corbin». WWE. Consultado em 13 de junho de 2016 
  43. Clapp, John. «Baron Corbin def. Dolph Ziggler». WWE. Consultado em 19 de junho de 2016 
  44. «2016 WWE Draft results: WWE officially ushers in New Era». WWE. Consultado em 19 de julho de 2016 
  45. Clapp, John. «Intercontinental Champion The Miz vs. Apollo Crews». WWE. Consultado em 2 de agosto de 2016 
  46. Parks, Greg. «8/2 WWE Smackdown LIVE – Parks's Complete Live Report». Pro Wrestling Torch. Consultado em 2 de agosto de 2016 
  47. Pappolla, Ryan. «Baron Corbin def. Apollo Crews». WWE. Consultado em 11 de setembro de 2016 
  48. Parks, Greg. «9/13 WWE Smackdown LIVE – Parks's Complete, Real-Time Report». Pro Wrestling Torch. Consultado em 13 de setembro de 2016 
  49. Taylor, Scott. «Baron Corbin def. Jack Swagger». WWE. Consultado em 9 de outubro de 2016 
  50. Parks, Greg (18 de outubro de 2016). «10/18 WWE Smackdown LIVE – Parks's Ongoing, Real-Time Report». Pro Wrestling Torch. Consultado em 20 de outubro de 2016 
  51. Martin, Adam (1 de novembro de 2016). «WWE Smackdown Results – 11/1/16 (Live from Newark, Daniel Bryan to announce teams for Survivor Series)». WrestleView. Consultado em 2 de novembro de 2016 
  52. Benigno, Anthony. «Team Raw vs. Team SmackDown Live in a 5-on-5 Traditional Survivor Series Men's Elimination Match». WWE. Consultado em 31 de outubro de 2016 
  53. Benigno, Anthony. «WWE Cruiserweight Champion The Brian Kendrick def. Kalisto». WWE. Consultado em 20 de novembro de 2016 
  54. Keller, Wade (22 de novembro de 2016). «KELLER'S WWE SMACKDOWN REPORT 11/22: Full coverage of fallout from Survivor Series, Shane speech, Miz vs. Kalisto, Styles vs. Ellsworth ladder match». Pro Wrestling Torch. Consultado em 23 de novembro de 2016 
  55. Pappolla, Ryan. «Kalisto vs. Baron Corbin - Chairs Match». WWE. Consultado em 22 de novembro de 2016 
  56. Melok, Bobby. «Baron Corbin def. Kalisto (Chairs Match)». WWE. Consultado em 4 de dezembro de 2016 
  57. Barnett, Jake (6 de dezembro de 2016). «12/06 Barnett's WWE Smackdown Live TV Review: Randy Orton and Bray Wyatt vs. Heath Slater and Rhyno for the Smackdown Tag Titles, AJ Styles not medically cleared to wrestle». Pro Wrestling Dot Net. Consultado em 8 de dezembro de 2016 
  58. Parks, Greg (20 de dezembro de 2016). «12/20 WWE Smackdown LIVE – Parks's Complete, Real-Time Report». Pro Wrestling Torch. Consultado em 20 de dezembro de 2016 
  59. Parks, Greg (27 de dezembro de 2016). «12/27 WWE Smackdown LIVE – Parks's Ongoing, Real-Time Report, including three title matches, John Cena's return». Pro Wrestling Torch. Consultado em 27 de dezembro de 2016 
  60. Parks, Greg. «1/10 WWE Smackdown LIVE – Parks's Ongoing, Real-Time Report, including Cena vs. Corbin, Wyatts vs. American Alpha for Tag Titles». Pro Wrestling Torch. Consultado em 10 de janeiro de 2017 
  61. Benigno, Anthony; Taylor, Scott. «Randy Orton won the 30-Superstar Royal Rumble Match». wwe.com. WWE. Consultado em 29 de janeiro de 2017 
  62. Powell, Jason. «1/29 Powell's WWE Royal Rumble 2017 live review: AJ Styles vs. John Cena for the WWE Championship, Kevin Owens vs. Roman Reigns in a No DQ match for the WWE Universal Championship with Chris Jericho in a shark cage». Pro Wreslting Dot Net. Consultado em 29 de janeiro de 2017 
  63. Keller, Wade (7 de fevereiro de 2017). «KELLER'S WWE SMACKDOWN REPORT 2/7: Orton vs. Cena plus final Elimination Chamber hype». Pro Wrestling Torch. Consultado em 8 de fevereiro de 2017 
  64. Melok, Bobby. «Bray Wyatt def. John Cena, The Miz, Baron Corbin, AJ Styles and Dean Ambrose in a WWE Championship Elimination Chamber Match». WWE. Consultado em 12 de fevereiro de 2017 
  65. Keller, Wade (21 de março de 2017). «KELLER'S WWE SMACKDOWN REPORT 3/21: Shane reacts to Shane challenging him to a WrestleMania match, more hype for WrestleMania 33». Pro Wrestling Torch. Consultado em 21 de março de 2017 
  66. Keller, Wade (4 de abril de 2017). «KELLER'S WWE SMACKDOWN REPORT 4/4: WrestleMania 33 fallout including celebration interview with Orton, rematches, Miz & Maryse, and some NXT call-ups!». Pro Wrestling Torch. Consultado em 5 de abril de 2017 
  67. Keller, Wade. «KELLER'S WWE MONDAY NIGHT RAW 4/10: Superstar Shakeup begins with two Smackdown wrestlers coming to the ring, full report». Pro Wrestling Torch. Consultado em 10 de abril de 2017 
  68. Keller, Wade. «KELLER'S WWE SMACKDOWN REPORT 4/11: Superstar Shake-up Night 2 details». Pro Wrestling Torch. Consultado em 11 de abril de 2017 
  69. «Shane McMahon suspends Baron Corbin». www.wwe.com (em inglês). Consultado em 27 de abril de 2017 
  70. Powell, Jason. «6/18 Powell's WWE Money in the Bank Live Review: Men's and Women's MITB ladder matches, Jinder Mahal vs. Randy Orton for the WWE Championship, Naomi vs. Lana for the Smackdown Women's Championship, The Usos vs. New Day for the Smackdown Tag Titles». Pro Wreslting Dot Net. Consultado em 18 de junho de 2017 
  71. «Who will step onto The Grandest Stage of Them All as WWE Champion?». WWE (em inglês) 
  72. «SmackDown LIVE results, March 20, 2018: Moments after being fired, Owens & Zayn attack Daniel Bryan». WWE (em inglês) 
  73. «WWE WrestleMania 34 results, recap, grades: Ronda Rousey stuns, Brock Lesnar retains in shocker». CBSSports.com (em inglês) 
  74. Baron Corbin is coming to Raw in the Superstar Shake-up: Raw, April 16, 2018 (em inglês), consultado em 23 de outubro de 2018 
  75. «How will Raw's new "Constable" settle into his new role?». WWE (em inglês) 
  76. «Baron Corbin Reveals Why He Recently Cut His Hair - Wrestling Inc.». Wrestling Inc. (em inglês) 
  77. Konuwa, Alfred. «WWE Extreme Rules 2018 Results: News And Notes After Bobby Lashley Beats Roman Reigns». Forbes (em inglês) 
  78. «Csonka's WWE Raw Review 9.17.18 | 411MANIA». 411mania.com (em inglês). Consultado em 23 de outubro de 2018 
  79. Dunaway, Rick (23 de setembro de 2008). «Northwest's Pestock Honors Father In Subtle Way». St. Joseph News Press. NPG Newspapers Inc. Consultado em 25 de agosto de 2015 
  80. WWE (13 de agosto de 2016). «Baron Corbin tells the story behind his most personal tattoo: Superstar Ink». Consultado em 10 de fevereiro de 2017 – via YouTube 
  81. Middleton, Marc (21 de outubro de 2014). «Baron Corbin Talks About Developing His Character, Working NXT Live Events, His Finisher, More». Wrestling Inc. Webcapacity Inc. Consultado em 25 de agosto de 2015. Cópia arquivada em 16 de dezembro de 2014 
  82. a b c Caldwell, James. «4/4 WWE Raw Results – CALDWELL'S Complete Report on post-WM32». Pro Wrestling Torch. Consultado em 4 de abril de 2016 
  83. «WWE NXT: Superhuman (Baron Corbin) - Single» 
  84. «Baron Corbin entrance with NEW theme music • r/SquaredCircle». reddit. Consultado em 24 de agosto de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]