Basílica de São Jorge Maior (Veneza)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Basílica de São Jorge Maior (San Giorgio Maggiore)
A Basílica de São Jorge Maior (San Giorgio Maggiore)
Estilo dominante Renascimento
Arquiteto Andrea Palladio
Início da construção 1566 (basílica atual)
Fim da construção 1610
Religião Igreja Católica
Diocese Patriarcado de Veneza
Geografia
País  Itália
Região Véneto
Local Veneza
Coordenadas 45° 25′ N 12° 20′ E

A Basílica de São Jorge Maior (em italiano: Basilica di San Giorgio Maggiore) é uma basílica na pequena ilha de San Giorgio Maggiore, frente à Praça de São Marcos, em Veneza. Faz parte do mosteiro homónimo. Ambos foram construídos pelo arquiteto de Vicenza, Andrea Palladio, sendo uma das suas obras mais destacadas.

A igreja tem a fachada virada para o Bacino di San Marco.

A fachada é em forma de templo clássico, com uma só entrada, com quatro colunas compostas sobre altos plintos, com um entablamento por cima onde se sustem um tímpano clássico. A solução inventada por Palladio para esta fachada é fantasiosa e é uma contribuição original para a resolução de um dos problemas mais sentidos pelos arquitectos renascentistas, que era o de encontrar o modo de dotar um aspecto inspirado no templo clássico a um edifício tripartido como a igreja cristã de três naves. O sereno interior de proporções perfeitas também é típico de Palladio.

O edifício ficou terminado em 1576, enquanto a fachada se completou em 1610 por Vincenzo Scamozzi, trinta anos depois da morte do mestre.

Aqui estão os últimos quadros de Tintoretto: A Última Ceia (1592-1594), Recolha do Maná (1594) e A Deposição (1592-94). As duas primeiras encontram-se nas paredes do presbitério, e a última na capela dos mortos.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

A basílica de San Giorgio Maggiore.
A basílica de San Giorgio Maggiore, na ilha homónima, vista da Piazzetta (Praça de São Marcos).
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Basílica de São Jorge Maior (Veneza)