Batalha de Caer Caradoc

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Batalha de Caer Caradoc
Conquista romana da Britânia
Data 50
Local Desconhecido. Provavelmente Herefordshire Beacon ou Caer Caradoc Hill
Desfecho Vitória decisiva dos romanos
Beligerantes
Império Romano Império Romano   Britanos
  Siluros
  Ordovicos?
Comandantes
Império Romano Públio Ostório Escápula   Carataco
Forças
21 000 nas legiões IX Hispana e XX Valeria Victrix Desconhecido
Baixas
1200 Desconhecido
Caer Caradoc? está localizado em: Reino Unido
Caer Caradoc?
Localização de Caer Caradoc no que é hoje o Reino Unido

Batalha de Caer Caradoc foi a batalha final do movimento de resistência de Carataco à conquista romana da Britânia. Travada em 50, os romanos derrotaram os britanos e asseguraram o controle da região sul da nova província da Britânia.

História[editar | editar código-fonte]

Carataco escolheu um campo de batalha numa área montanhosa, o que deu aos britanos a vantagem do terreno elevado. Suas forças eram provavelmente formadas primordialmente por guerreiros dos ordovicos, embora possam ter também incluído alguns siluros. Esta posição tornou tanto a aproximação quanto o recuo difícil para os romanos e, por outro lado, facilitou a sua própria. Nos locais onde o aclive era suave, ele construiu muradas de pedra bruta e colocou homens armados para guardá-las. Na frente delas, havia um rio, provavelmente o Severn ou o Teme.

O comandante romano, Públio Ostório Escápula, estava relutante em atacar diretamente as linhas britanas, mas o entusiasmo de seus homens foi maior. O rio foi atravessado com dificuldade, pois os soldados foram recebidos com uma chuva de projéteis. Porém, eles se protegeram com a formação tartaruga (em latim: testudo) e conseguiram desmantelar algumas das muradas. Uma vez dentro das fortificações, o combate se tornou uma luta corpo-a-corpo bastante sangrenta. Os britanos recuaram para o alto das colinas, mas os romanos continuaram a perseguição até que a sua linha de batalha foi rompida. Entre os poderosos legionários e suas tropas auxiliares, com armas mais leves, os britanos se viram encurralados.

A esposa, filho e filha de Carataco foram capturados e seu irmão se rendeu, mas ele próprio conseguiu escapar. Fugindo para o norte, Carataco se refugiou entre os brigantes. Porém, a rainha Cartimândua era leal a Roma e o entregou preso aos romanos. Ele foi exibido no triunfo do imperador Cláudio em Roma, onde proferiu um discurso que convenceu o imperador a poupá-lo junto com sua família. Sua derrota foi comparada pelos senadores romanos às maiores vitórias romanas e Ostório Escápula recebeu condecorações triunfais pela vitória.

Localização[editar | editar código-fonte]

O local exato da batalha é desconhecido. O castro em Caer Caradoc Hill (Shropshire) está relacionada à batalha pelo nome. Lendas locais localizam a batalha no acampamento britano nos montes Malvern. Porém, o Severn, embora visível deste local, está muito distante para ser o mesmo rio descrito por Tácito em seu relato. Do primeiro, ele sequer é visível. Uma posição a oeste de Caersws, onde ainda há restos de aterros, também já foi sugerido, assim como um local perto de Chapel Lawn, Shropshire.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]