Batalha de Cinoscéfalos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Batalha de Cinoscéfalos
Segunda Guerra Macedônica
Map Macedonia 200 BC-pt.svg
Mapa da região de Cinoscéfalos
Data 197 A.D.
Local Tessália, Grécia
Desfecho Vitória decisiva da República de Roma
Combatentes
República Romana
Liga Etólia
Macedônia
Comandantes
Tito Quíncio Flaminino Filipe V da Macedônia
Forças
20 000 soldados de infantaria, 2 000 de infantaria leve, 2 500 na cavalaria e 20 elefantes de guerra
24 500 homens no total[1]
16 000 soldados de infantaria pesada, 4 000 de infantaria leve, 5 000 mercenários e aliados e 2 000 na cavalaria
27 000 homens no total[1]
Baixas
2 000 mortos ou feridos 8 000 mortos
5 000 capturados

A Batalha de Cinoscéfalos aconteceu na Tessália em 197 a.C. entre o exército da República Romana, liderado por Tito Quíncio Flaminino e a dinastia antigônida da Macedónia, liderada por Filipe V da Macedónia. O exército de Filipe foi derrotado.[2]

Referências

  1. a b Plutarco (100). «The Life of Titus Flamininus». The Parallel Lives Loeb Classical Library [S.l.] 
  2. James Ussher, The Annals of the World 197 BC [em linha]
Ícone de esboço Este artigo sobre História ou um(a) historiador(a) é um esboço relacionado ao Projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Batalha de Cinoscéfalos