Batalha de Dresden

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Batalha de Dresden
Sexta Coligação, Guerras Napoleônicas
Napoleon.Dresden.jpg
A batalha por Dresden.
Data 2627 de agosto de 1813
Local Dresden, Saxônia
Desfecho Vitória francesa
Beligerantes
França Império Francês Flag of the Habsburg Monarchy.svg Império Austríaco
Flag of the Kingdom of Prussia (1803-1892).svg Reino da Prússia
Rússia Império Russo
Comandantes
França Napoleão I
França Laurent de Gouvion Saint-Cyr
França Michel Ney
França Joachim Murat
França Édouard Adolphe Casimir Joseph Mortier
Flag of the Habsburg Monarchy.svg Francisco I
Flag of the Habsburg Monarchy.svg Karl Philipp de Schwarzenberg
Rússia Alexandre I
Rússia Jean Victor Marie Moreau
Rússia Mikhail Bogdanovich Barclay de Tolly
Flag of the Kingdom of Prussia (1803-1892).svg Frederico Guilherme III
Forças
135 000 214 000
Baixas
10 000 mortos ou feridos 38 000 mortos, feridos ou desaparecidos

A Batalha de Dresden, ou, na sua forma portuguesa, de Dresda, foi uma luta travada entre 26 e 27 de agosto de 1813, em Dresden, na Alemanha, durante as Guerras Napoleônicas.[1]

No início da Guerra da Sexta Coalizão, Napoleão Bonaparte buscou tomar a iniciativa e moveu suas tropas para o interior da Alemanha com o propósito de destruir as forças austríacas, russas e prussianas, que estavam sob o comando do Marechal-de-Campo Schwartzenberg. Apesar de enfrentar um inimigo mais numeroso (que tinha quase o dobro de soldados), Napoleão conseguiu derrotar seus adversários e conquistou uma grande vitória.

Apesar do sucesso, tal vitória em Dresden não se provou decisiva para Napoleão. As forças inimigas conseguiram se reagrupar e o derrotaram na batalha de Kulm. Menos de um ano depois, a França perdia a guerra.

Referências

  1. David G. Chandler, The Campaigns of Napoleon, ISBN 978-0025236608.
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Batalha de Dresden