Batalha de Esvindax

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Batalha de Esvindax
Guerras bizantino-georgianas
Data 1022
Local Esvindax, Fasiana (atualmente no nordeste da Turquia)
Desfecho Vitória decisiva dos bizantinos
Beligerantes
Império Bizantino Reino da Geórgia Reino da Geórgia
Comandantes
Império Bizantino Basílio II Reino da Geórgia Jorge I

A Batalha de Esvindax foi travada na primavera de 1022 entre as forças do Império Bizantino, lideradas pelo imperador Basílio II, e do Reino da Geórgia, lideradas pelo rei Jorge I em Esvindax (em georgiano: სვინდაქსი; romaniz.: Suindax’i segundo um cronista georgiano), na província de Fasiana. A batalha terminou com vitória bizantina e Jorge I foi forçado a negociar um tratado de paz encerrando a guerra de sucessão dos curopalatas georgianos na Ásia Menor.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]