Belos e Malditos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
The Beautiful and Damned
Belos e Malditos (PT)
Autor(es) F. Scott Fitzgerald
Idioma Língua inglesa
País  Estados Unidos
Editora Charles Scribner's Sons
Lançamento 1922
Edição portuguesa
Tradução Henrique Silva Letra
Editora Portugália
Lançamento 1968
Páginas 483

Belos e Malditos (The Beautiful and Damned no original), primeiro publicada por Scribner's em 1922, é a segunda obra de F. Scott Fitzgerald. Retrata a elite da Costa Leste do EUA durante a Idade do Jazz, explorando a sociedade dos cafés de Nova Iorque.[1] Tal como nos restantes romances de Fitzgerald, as personagens são complexas, especialmente no que se relaciona com o casamento e intimidade. O livro é geralmente considerado como sendo baseado na relação de Fitzgerald com Zelda Fitzgerald.[1][2]

Enredo[editar | editar código-fonte]

Belos e Malditos  conta a história de Anthony Patch, um socialite de 1910s e presuntivo herdeiro de uma fortuna de um magnata, a sua relação com a sua esposa, Gloria, o seu serviço militar no Exército e o seu alcoolismo.[3][4]

No final do romance , Fitzgerald relaciona o enredo consigo próprio, mencionando até o seu primeiro romance, quando um amigo escritor de Anthony com sucesso financeiro lhe diz:  "Sabes que estes novos romances cansam-me. Meu Deus! Em todos os sítios onde vou alguma rapariga tonta pergunta-me se eu li This Side of Paradise. As nossas raparigas são mesmo assim? Se é verdade, o que eu não acredito, a próxima geração vai para os cães. Estou farto deste realismo de má qualidade. Eu acredito que há espaço para o romantismo na literatura."[5][2]

Adaptações[editar | editar código-fonte]

Foi feita uma adaptação a cinema em 1922, realizada por  William A. Seiter, com Kenneth Harlan como Anthony Patch, e Marie Prevost como Gloria.[6]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. a b Milford, Nancy - Zelda: A Biography, Harper & Row, New York, 1970.
  2. a b Bruccoli, Matthew J. - Some Sort of Epic Grandeur: The Life of F. Scott Fitzgerald, Carroll & Graf, New York, 1992.
  3. Perosa, Sergio (1965). «The Beautiful and Damned». The Art of F. Scott Fitzgerald. Ann Arbor: The University of Michigan Press. LCCN 65-11463 
  4. «The Beautiful and Damned». Amazon.com 
  5. Fitzgerald, F. Scott - The Beautiful and Damned, Charles Scribner's Sons, New York, 1922 - pg. 421.
  6. Seiter, William. «The Beautiful and Damned (1922)». The New York Times