Ben Hecht

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ben Hecht
Nascimento 28 de fevereiro de 1894
Nova Iorque, Estados Unidos
Nacionalidade norte-americano
Morte 18 de abril de 1964 (70 anos)
Nova Iorque, Estados Unidos
Ocupação Roteirista

Ben Hecht ( /ˈhɛkt/; Nova Iorque, 28 de fevereiro de 1894Nova Iorque, 18 de abril de 1964) foi um escritor, jornalista e roteirista estadunidense,[1] mais conhecido por Underworld e The Scoundrel.[2][3]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Kingdom of Evil, 211pp., Pascal Covici (1924)
  • Broken Necks {Containing More 1001 Afternoons}, 344pp., Pascal Covici (1926)
  • Count Bruga, 319 pp., Boni & Liveright (1926)
  • A Jew in Love, 341 pp., Covici, Friede (1931)
  • The Book of Miracles, 465 pp., Viking Press (1939)
  • A Guide for the Bedevilled, 276 pages, Charles Scribner's Sons (1944) ISBN 0-9646886-2-X
  • The Collected Stories of Ben Hecht, 524 pp., Crown (1945)
  • The Champion from Far Away (1931)
  • Actor's Blood (1936)
  • A Treasury of Ben Hecht: Collected Stories and Other Writings (1959, antologia)
  • Erik Dorn
  • I Hate Actors!
  • 1001 Afternoons in New York
  • The Sensualists
  • Winkelberg (ensaio)
  • Miracle in the Rain
  • Letters from Bohemia
  • Gargoyles
  • The Egoist

Prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Hecht, Ben (1954). A Child of the Century. New York, NY: Simon & Schuster, Inc. 483 páginas 
  2. «Theater Hall of Fame Gets 10 New Members». New York Times. 10 de maio de 1983 
  3. «Ben Hecht». Chicago Literary Hall of Fame (em inglês). 2013. Consultado em 8 de outubro de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]