Bengala Ocidental

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Índia Bengala Ocidental 
  estado  
West Bengal in India (disputed hatched).svg
Distritos 19
Cidade mais importante Calcutá
Fundação 1 de maio, 1960
Capital Calcutá
22° 34′ 11″ N, 88° 22′ 11″ E
Administração
 - Governador Mayankote Kelath Narayanan
 - Ministro-chefe Buddhadeb Bhattacharya
 - Poder legislativo Unicameral (294 assentos)
Área
 - Total 88,752 km²
População (2011[1])
 - Total 91 347 736
    • Densidade 1 029 247,1 hab./km²
 - Língua(s) Bengali
Cód. ISO 3166-2 IN-WB
Sítio www.wbgov.com

Bengala Ocidental é um estado da Índia. Seus limites são o Estado do Sikkim a norte, o reino do Butão a nordeste, o Estado de Assam e a república de Bangladesh a leste, o Golfo de Bengala a sudeste, os Estados de Orissa a sudoeste e Jharkhand e Bihar a oeste e a república do Nepal a noroeste.

Algumas da principais cidades de Bengala Ocidental incluem: Asansol, Calcutá (capital do estado). Junto com Bangladesh, o Estado forma a região linguístico-cultural de Bengala ou Bangla. O autor dos poemas que se tornaram os hinos nacionais de ambos os países, Rabindranath Tagore, é um conhecido indivíduo desta cultura.

Etimologia[editar | editar código-fonte]

A origem do nome "Bengala" ( Bangla e Bongo em bengali) é desconhecida. Uma teoria sugere que a palavra deriva de "Bang", uma tribo dravidiana que se estabeleceu na região por volta de 1000 a.C.[2] A palavra bengalesa "Bongo" pode ter sido derivada do antigo reino de Vanga (ou Banga). Embora alguma literatura sânscrita antiga mencione o nome "Vanga", a história inicial da região é obscura.[3]

No final do domínio britânico sobre o subcontinente indiano, a região de Bengala foi dividida em 1947 ao longo de linhas religiosas no leste e oeste. A parte oriental ficou conhecida como Paquistão Oriental, a ala oriental do recém-nascido Paquistão e a parte ocidental ficou conhecida como Bengala Ocidental, que continuou como um estado indiano.[3]

Em 2011, o Governo de Bengala Ocidental propôs uma mudança no nome oficial do estado para PaschimBanga (em bengali : পশ্চিমবঙ্গ; Pôshchimbônggô ).[4] Este é o nome nativo do estado, que significa literalmente Bengala Ocidental na língua nativa bengali. Em agosto de 2016, a Assembléia Legislativa de Bengala Ocidental aprovou outra resolução para mudar o nome de Bengala Ocidental para "Bangla" em hindi , "Bengal" em inglês e "Bangla" em bengali . Apesar dos esforços do governo do Congresso Trinamool para alcançar um consenso sobre a resolução da mudança de nome, no Congresso Nacional Indiano, o Frente de Esquerda e o Partido do Povo Indiano se opuseram à resolução..[5] No entanto, o governo central recusou a proposta afirmando que o estado deveria ter um único nome para todas as línguas, em vez de três e também alegou que o nome não deveria ser o mesmo de qualquer outro território (indicando que o nome "Bangla" pode criar confusão com o país vizinho, Bangladesh).[5][6][7]

Maiores cidades[editar | editar código-fonte]

Cidade População
1 Calcutá 5 021 458
2 Asansol 1 067 369
3 Howrah 1 008 704
4 Siliguri 539 314
5 Mardhaman 331 759
6 Barasat 237 783
7 Kharagpur 207 984
8 Uluberia 202 095
9 Chapra 178 835
10 Haldia 170 695

Distritos[editar | editar código-fonte]

O estado de Bengala Ocidental está dividido em 19 distritos:

WestBengalDistricts numbered.svg

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia da Índia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  1. «Area, population, decennial growth rate and density for 2001 and 2011 at a glance for West Bengal and the districts: provisional population totals paper 1 of 2011: West Bengal». Registrar General & Census Commissioner, India. Consultado em 26 de janeiro de 2012.. Cópia arquivada em 7 de janeiro de 2012 
  2. «Bangladesh: A country study - Historians believe that Bengal, the area comprising present-day Bangladesh and the Indian state of West Bengal, was settled in about 1000 B.C. by Dravidian-speaking peoples who were later known as the Bang. Their homeland bore various titles that reflected earlier tribal names, such as Vanga, Banga, Bangala, Bangal, and Bengal.». Library of Congress. Setembro de 1988. Consultado em 2 de março de 2012.. Cópia arquivada em 15 de junho de 2017 
  3. a b Marshman, John Clark (1865). Outline of the History of Bengal. [S.l.]: John Clark Marshman. p. 1. Cópia arquivada em 4 de dezembro de 2017 
  4. «West Bengal may be renamed PaschimBanga». The Hindu. 19 de agosto de 2011. Consultado em 7 de fevereiro de 2012.. Cópia arquivada em 21 de janeiro de 2012 
  5. a b «Assembly drops West, renames State as Bengal» (em inglês). The Hindu. 29 de agosto de 2016. Consultado em 4 de janeiro de 2018.. Cópia arquivada em 25 de dezembro de 2016 
  6. «Foreign ministry turns down Mamata Banerjee's 'Bangla' for West Bengal». The New Indian Express. Consultado em 20 de dezembro de 2017.. Cópia arquivada em 22 de dezembro de 2017 
  7. «West Bengal to send another proposal to Centre on changing its name» (em inglês). Hindustan Times. 8 de setembro de 2017. Consultado em 20 dezembro de 2017.. Cópia arquivada em 22 de dezembro de 2017