Bernd Weikl

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Bernd Weikl
Informação geral
Nascimento 29 de julho de 1942 (77 anos)
Viena,  Áustria[1]
Gênero(s) Ópera
Instrumento(s) Vocal
Período em atividade 1968 - presente

Bernd Weikl (Viena, 29 de julho de 1942) é um barítono austríaco, mais conhecido por suas performances em óperas de Richard Wagner.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Estudou, primeiramente, em Mogúncia e, posteriormente, em Hanover, onde fez sua estréia operística como Ottakar em Der Freischütz, em 1968. De 1970 até 1973 ele foi um membro da Ópera Düsseldorf. Weikl fez sua estréia no Festival de Salzburgoem 1971 como Melot em Tristan und Isolde, no Festival de Bayreuth em 1972 como Wolfram em Tannhäuser, no Royal Opera House, Covent Garden em 1975 como Figaro em Il Barbiere di Siviglia e no Metropolitan Opera em 1977 como Wolfram.

Livros[editar | editar código-fonte]

Weikl publicou livros sobre música alemã, incluindo Swastikas on Stage[2][3] e Freispruch für Richard Wagner? (Absolvição para Richard Wagner?).[4]

Papéis[editar | editar código-fonte]

Weikl cantou mais de cento e vinte papéis diferentes em sua carreira, incluindo:

Referências

  1. «Weikl, Bernd» (em alemão). Austria Forum. Consultado em 17 de julho de 2019 
  2. Mark Berry (2 de julho de 2016). «Book Review: Bernd Weikl, Swastikas on Stage». Boulezian (Blog). Consultado em 17 de julho de 2019 
  3. Larry Wolff (2 de agosto de 2017). «Wagner On Trial». New York Review of Books. Consultado em 17 de julho de 2019 
  4. «Bernd Weikl: Richard Wagner – Revolutionär und Mystiker». Online Merker. 17 de julho de 2018. Consultado em 17 de julho de 2019 
Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) cantor é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.