Bert Sakmann

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Bert Sakmann Medalha Nobel
Fisiologia
Residência  Alemanha
Nascimento 12 de junho de 1942 (74 anos)
Local Stuttgart
Atividade
Campo(s) Fisiologia
Prêmio(s) Prêmio Adolf Fick (1984), Prêmio Louisa Gross Horwitz (1986), Prêmio Gottfried Wilhelm Leibniz (1987), Prêmio Louis-Jeantet de Medicina (1988), Prêmio Pesquisa do Estado de Baden-Württemberg (1991), Nobel prize medal.svg Nobel de Fisiologia ou Medicina (1991), Prêmio Harvey (1991)

Bert Sakmann (Stuttgart, 12 de junho de 1942) é um fisiologista alemão. Foi agraciado com o Nobel de Fisiologia ou Medicina de 1991 com Erwin Neher em 1991 por seu trabalho sobre "a função de canais iônicos individuais em células", e a invenção do patch clamp.[1]

Bert Sakmann foi professor na Universidade de Heidelberg e é membro emérito científico do Instituto Max Planck de Pesquisa Médica em Heidelberg, Alemanha. Desde 2008 lidera um grupo de pesquisa emérito do Instituto Max Planck de Neurobiologia.

Foi eleito Membro Estrangeiro da Royal Society em 1994.[2]

Referências

  1. O. P., Hamill; A. Marty, E. Neher, B. Sakmann, F. J. Sigworth. (1981). "Improved patch-clamp techniques for high-resolution current recording from cells and cell-free membrane patches" (em inglês). Pflügers Archiv European Journal of Physiology 391 (2): 85. DOI:10.1007/BF00656997. PMID 6270629.
  2. «Biography» (em inglês). 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Joseph Murray e Edward Donnall Thomas
Nobel de Fisiologia ou Medicina
1991
com Erwin Neher
Sucedido por
Edmond Fischer e Edwin Krebs


Ícone de esboço Este artigo sobre um médico é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.