Biblioteca Humanista de Sélestat

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Entrada da biblioteca

A Biblioteca Humanista de Sélestat é um dos mais importantes tesouros culturais da região de Alsácia na França e é formada pela união da biblioteca da Escola Humanista e a biblioteca privada de Beatus Rhenanus.[1] De acordo com as tradições locais, Alsácia possui três grandes tesouros: a Catedral de Estrasburgo, o Retábulo de Issenheim em Colmar e a Biblioteca Humanista de Sélestat.

Biblioteca de Beatus Rhenanus com um busto de Johannes Mentelin

A Biblioteca de Beatus Rhenanus[editar | editar código-fonte]

Beatus Rhenanus doou sua biblioteca à cidade de Sélestat.[2] A biblioteca possuia cerca de 670 volumes encadernados em couro na época de sua morte em 1547, os quais foram coletados durante seus estudos e trabalhos em Estrasburgo, Basileia, Sorbonne e Sélestat.

A biblioteca de Beatus Rhenanus está inscrita no Programa Memória do Mundo da UNESCO.[3]

Referências

  1. «LA BIBLIOTECA HUMANISTA» (em espanhol). Consultado em 24 de junho de 2014 
  2. Konstantinos Staikos (2012), History of the Library in Western Civilization: From Petrarch to Michelangelo, ISBN 9781584561828, New Castle, DE: Oak Knoll Press 
  3. Beatus Rhenanus Library on the Memory of the World Project website

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Biblioteca Humanista de Sélestat