Biblioteca de Sainte-Geneviève

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Sala de leitura

A Biblioteca de Sainte-Geneviève está localizada em Paris. Foi projetada por Henri Labrouste, e a construção se estendeu de 1838 a 1850.

Biblioteca de Sainte-Geneviève
Ícone de esboço Este artigo sobre arquitetura é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


Projeto[editar | editar código-fonte]

O plano do prédio é um retângulo longo e estreito. No piso térreo há uma livraria, uma sala de livros e administração raras. O primeiro andar é a sala de leitura, separada por dois corredores com uma linha de colunas de ferro fundido apoiando os arcos do telhado.

A fachada neo-renascentista italiana é constituída por uma série de janelas arqueadas no piso térreo e uma série de arcadas maiores que iluminam a sala de leitura; abaixo deles há uma série de pequenas aberturas retangulares que permitem que a segunda linha de prateleiras seja ventilada dentro de um pequeno corredor naquele momento, para uma maior recirculação de ar; a fim de manter a umidade dos livros constante.

As paredes são caracterizadas pela gravura do nome dos autores mais importantes, cujos textos são coletados na biblioteca; com o objetivo de dar importância à construção e decoração do exterior.

Henri Labrouste não se limitou ao design da estrutura, mas também ao mobiliário, para que este último pudesse se adaptar ao edifício e cumprir plenamente sua função. Labrouste, indo para Visconti, terminou em 1853 o projeto da Biblioteca Nacional da França, onde ele retoma o tema das colunas de ferro fundido para a sala de leitura.