Binyavanga Wainaina

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Binyavanga Wainaina
Nascimento 18 de janeiro de 1971
Nakuru
Morte 21 de maio de 2019 (48 anos)
Nairóbi
Cidadania Quénia
Alma mater
Ocupação jornalista, escritor
Prêmios
  • Caine Prize (2002)
Causa da morte acidente vascular cerebral

Kenneth Binyavanga Wainaina (Nakuru, 18 de janeiro de 1971Nairóbi, 21 de maio de 2019) foi um escritor, ativista pelos direitos LGBT e jornalista queniano.[1][2][3] Em 2014, apareceu na lista de 100 pessoas mais influentes do ano pela Time.[4][5][6]

Referências

  1. Adams, Tim (16 de fevereiro de 2014). «Binyavanga Wainaina: coming out in Kenya». The Observer (em inglês). ISSN 0029-7712. Consultado em 23 de maio de 2019 
  2. «Escritor Binyavanga Wainaina morre aos 48 anos». Folha de S. Paulo. 22 de maio de 2019. Consultado em 31 de janeiro de 2021 
  3. Howden, Daniel (21 de janeiro de 2014). «Kenyan writer Binyavanga Wainaina declares: 'I am homosexual'». The Guardian. Consultado em 31 de janeiro de 2021 
  4. «TIME 100 Most Influential People of 2014». Time. 2014. Consultado em 31 de janeiro de 2021 
  5. Mervosh, Sarah (22 de maio de 2019). «Binyavanga Wainaina, Pioneering Voice in African Literature, Dies at 48». NY Times. Consultado em 31 de janeiro de 2021 
  6. Dwyer, Colin (22 de maio de 2019). «Binyavanga Wainaina, Kenyan Writer And LGBTQ Activist, Dies At 48». NPR. Consultado em 31 de janeiro de 2021 
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.