BioJava

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
BioJava
Desenvolvedor Andreas Prlić
Lançamento Setembro 1999[1]
Versão estável 3.0.5
Linguagem Java
Sistema operacional Macintosh, Windows, Unix-like
Gênero(s) Bioinformática
Licença LGPL 2.1.
Página oficial biojava.org

O projeto BioJava é um projeto de código aberto dedicado a fornecer ferramentas Java para o processamento de dados biológicos[2]. Isto inclui objetos para a manipulação de seqüências, estruturas de proteínas, analisadores sintáticos de arquivo, CORBA interoperabilidade, DAS, acesso ao ACeDB, programação dinâmica, e rotinas de estatística.

A biblioteca BioJava é útil para automatizar muitos tarefas diárias e mundanas na área de bioinformática. A medida que a biblioteca amadurece, as bibliotecas BioJava tem fornecido uma base sobre a qual tanto o software livre quanto pacotes comerciais podem ser desenvolvidos. O projeto fornece kits de ferramentas com múltiplas funções que tornam mais fácil a criação de análises ou pipelines customizados[1].

É um projeto de software ativo de código aberto apoiado pela Open Bioinformatics Foundation.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Mangalam, Harry (2002). «The Bio* toolkits--a brief overview». Brief Bioinform. 3 (3) [S.l.: s.n.] p. 296-302. doi:10.1093/bib/3.3.296. ISSN 1467-5463. PMID 12230038 
  2. Holland1, R. C. G.; Down2, T. A.; Pocock, M.; Prlić4, A.; Huen, D.; James, K.; Foisy, S.; Dräger, A.; Yates, A.; Heuer, M.; Schreiber, M. J. (2008). «BioJava: an open-source framework for bioinformatics». Bioinformatics. 24 (18) [S.l.: s.n.] p. 2096-2097. doi:10.1093/bioinformatics/btn397 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]