Black-Out

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Black-out)
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Se procura outros significados, veja Blackout.

Black-Out é uma adaptação brasileira da peça teatral de suspense Wait until Dark, que foi escrita pelo estadunidense Frederick Knott. O filme Um clarão nas trevas - 1967 - Warner Bros., foi baseado na peça teatral de Frederick Knott.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Uma boneca cheia de heroína é o centro da trama. O chefe de cinco marginais, um frio psicopata assassino, se encontra com a cega paralítica, que ainda não aprendeu a viver na escuridão. A adolescente, que cuida da cega, mais fazia macriação e a tratava mal. Numa noite o assassino entrou na casa dela, ameaçando-a de morte, pensando que a boneca estivesse com ela. Sua gang vai ajudá-lo a recuperar a boneca. Muito medo e agonia, onde a escuridão é a única defesa para a cega.

Repercussão[editar | editar código-fonte]

Grande sucesso de público e de bilheteria. Excursionou por Rio, Belo Horizonte e Curitiba. Ficando em cartaz até 1968. A atriz principal, Eva Wilma, foi indicada para o Prêmio Molière, como melhor atriz de teatro.

Ficha técnica[editar | editar código-fonte]

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • A montagem da peça não tinha patrocinador, quem pagou todas as despesas foi John Herbert.
  • O consulado americano colaborou com os uniformes dos policiais.
  • John Herbet foi convidado para fazer um curso nos estúdios da Warner Bros., onde filmava Alfred Hitchock. Vendo Eva Wilma, fazendo um lanche junto com o marido, convidou-a para fazer um teste para um dos seus filmes de suspense. A atriz Eva Wilma não passou no teste cinematográfico.
Ícone de esboço Este artigo sobre teatro (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.