Bloqueio trifascicular

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Bloqueio trifascicular
O bloqueio ocorre nos três fascículos entre o nodo sinoatrial (1) e o nodo atrioventricular (2).
Classificação e recursos externos
CID-10 I45.3
CID-9 426.54
A Wikipédia não é um consultório médico. Leia o aviso médico 
ECG de bloqueio trifascicular com bloqueio atrioventricular (AV) de primeiro grau.

Bloqueio trifascicular é um distúrbio da condução elétrica do coração em todos os três fascículos que conduzem o impulso do Nodo sinoatrial ao Nodo atrioventricular.[1] Pode ser completo ou incompleto. É uma emergência médica.

Tipos[editar | editar código-fonte]

É muito difícil saber qual o tipo de bloqueio incompleto apenas no eletrocardiograma, portanto são tratados iguais na rotina médica.

No caso de um bloqueio completo o nodo AV produz os próprios impulsos elétricos a uma frequência de aproximadamente 40 batimentos por minuto para manter os ventrículos bombeando sangue.

Causas[editar | editar código-fonte]

As possíveis causas incluem[2]: Doença cardíaca isquêmica

Diagnóstico[editar | editar código-fonte]

É diagnosticada em um electrocardiograma (ECG) e tem três características[3]:

  • Prolongamento do intervalo PR
  • Bloqueio do fascículo direito
  • Bloqueio fascicular anterior esquerdo ou posterior esquerdo de primeiro grau
  • Algum grau de bloqueio AV

Tratamento[editar | editar código-fonte]

Como pode evoluir para uma frequência cardíaca perigosamente baixa ou irregular é frequentemente inserido um marcapasso permanente para corrigir o problema. Corrigir desbalances iônicos de sódio, potássio e cálcio no sangue com o soro fisiológico adequado também pode ajudar se essa for uma das causas.

Referências