Bobby Rondinelli

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Bobby Rondinelli
Informação geral
Nome completo Robert Rondinelli
Nascimento 27 de julho de 1955 (63 anos)
Local de nascimento Brooklyn, Nova Iorque, Nova Iorque
Estados Unidos
Gênero(s) Hard rock, heavy metal, blues-rock
Instrumento(s) Bateria, percussão, guitarra
Modelos de instrumentos Bateria Ludwig
Afiliação(ões) Rainbow, Quiet Riot, Black Sabbath, Blue Öyster Cult, Rondinelli, The Lizards, Leslie West, Axel Rudi Pell, The Handful, Doro Pesch, Riot, The Sign, Sun Red Sun, Dali Gagger

Robert Rondinelli, mais conhecido como Bobby Rondinelli (27 de julho de 1955, Brooklyn, Nova York), é um baterista americano, mais conhecido por ter integrado as bandas de hard rock e heavy metal Rainbow, Black Sabbath, Blue Öyster Cult, Quiet Riot, e Rondinelli.

Rondinelli começou a tocar bateria em torno dos 11 anos de idade, tendo tocado anteriormente guitarra.

Ele tocou com a banda britânica de heavy metal Black Sabbath nos álbuns Cross Purposes e Cross Purposes Live e foi integrante do grupo em 1994 e novamente em 1995.

Entre 2003 e 2008, tocou na banda americana The Lizards, fundada pelo baixista Randy Pratt (ex-Cactus) e pelo guitarrista Patrick Klein. Durante o verão de 2010, Bobby Rondinelli se juntou ao grupo Foghat, substituíndo o baterista original Roger Earl, enquanto este estava se recuperando de uma cirurgia.

Rondinelli mantém regularmente workshops sobre bateria, e é co-autor do "The Encyclopedia of Double Bass Drumming", publicada pela revista Modern Drummer. Sua mais recente turnê foi com o Over the Rainbow, uma banda tributo ao Rainbow. A turnê finalizou-se em 2010, na Finlândia.

Ele está tocando actualmente com a banda Buttered Soul, em Long Island, Nova Iorque. A banda também conta com Craig Hopping, Canovas Bobby, Rick Rosenthal (ex-Rainbow), e Anthony Romano.

Discografia[editar | editar código-fonte]

com Rainbow[editar | editar código-fonte]

com Quiet Riot[editar | editar código-fonte]

com Axel Rudi Pell[editar | editar código-fonte]

  • Into the Storm (2014)

com Black Sabbath[editar | editar código-fonte]

com Sun Red Sun[editar | editar código-fonte]

  • Sun Red Sun (1995)
  • Lost Tracks (1999)
  • Sunset (2000)

com Dali Gaggers[editar | editar código-fonte]

  • Just ad Nauseam (1998)
  • Confessions of a Spooky Kid (1998)

como Rondinelli[editar | editar código-fonte]

  • Wardance (1985)
  • Our Cross, Our Sins (2002)

com Blue Öyster Cult[editar | editar código-fonte]

com Riot[editar | editar código-fonte]

  • Through the Storm (2002)

com Doro[editar | editar código-fonte]

  • Force Majeure (1989)

com The Sign[editar | editar código-fonte]

  • Signs of Life (2000)

com The Lizards[editar | editar código-fonte]

  • Rule (2003)
  • They live ! (2005)
  • Cold blooded kings (2005)
  • Against all odds (2006)
  • Archeology (2008)
  • Reptilicus Maximus (2015)

com The Handful[editar | editar código-fonte]

  • Sons of Downtown (2015)


Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre Bobby Rondinelli:
Wikidata Base de dados no Wikidata
Ícone de esboço Este artigo sobre um baterista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.