Bocage (filme)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Bocage
Portugal PortugalFlag of Spain.svg Espanha
1936 •  pb •  124 min 
Realização Leitão de Barros
Argumento Pereira Coelho
Rocha Martins
Gustavo de Matos Sequeira
Elenco Raul de Carvalho
Carlos Alves
Carlos Barros
Género drama
Idioma português

Bocage é uma longa-metragem de ficção portuguesa realizada por Leitão de Barros no ano de 1936.

Este filme foi pensado como um grande filme histórico destinado aos mercados português, espanhol e brasileiro. Foi o primeiro exemplo das coproduções com Espanha que foram objeto de duas versões de origem, uma portuguesa e uma espanhola. É considerado uma obra mais convencional do que os anteriores filmes do realizador (como A Severa)[1].

Elenco[editar | editar código-fonte]

  • Raul de Carvalho
  • Carlos Alves
  • Carlos Barros
  • Celita Bastos - Canária
  • Holbeche Bastos
  • María Castelar - Anália Coutinho
  • Baltasar de Azevedo
  • Lino Ferreira
  • Maria Helena
  • Oliveira Martins
  • Maria Helena Matos
  • Araújo Pereira
  • Joaquim Prata
  • António Silva
  • Maria Valdes
  • Tarquínio Vieira
  • João Villaret
  • Perpétua Rosa dos Santos

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um filme português é um esboço relacionado ao Projeto Entretenimento. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.