Boeing E-3 Sentry

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Boeing E-3 Sentry
Avião
Descrição
Tipo / Missão Sistema Aéreo de Alerta e Controle
País de origem  Estados Unidos
Fabricante Boeing Defense, Space & Security
Westinghouse Electric (radar)
Período de produção 1977-1992
Quantidade produzida 70
Custo unitário US$270 milhões (1998)
Desenvolvido de Boeing 707
Primeiro voo em EC-137D: 9 de fevereiro de 1972 (49 anos)
E-3: 25 de maio de 1976 (45 anos)
Introduzido em março de 1977
Variantes
Tripulação 5
Especificações
Propulsão
Motor(es) 4x turbojatos Pratt & Whitney JT3D
Notas
Dados e fontes: Ver texto

O Boeing E-3 Sentry é uma aeronave militar de AWACS que fornece em qualquer tempo vigilância, comando, controle e comunicações aos Estados Unidos, Reino Unido, França, OTAN e outras forças de defesa aérea. A produção foi encerrada em 1992, após 68 exemplares produzidos.[1]

Especificações (E-3 da USAF/NATO)

Dados de: Globalsecurity.org.[nota 1]

Descrições gerais
Motorização
Performance

Ver também[editar | editar código-fonte]

Notas

  1. "E-3 Sentry (AWACS): Specifications". globalsecurity.org (em inglês)

Referências

  1. «Factsheet : E-3 Sentry (AWACS)». US Air Force. Maio de 2006. Consultado em 26 de maio de 2007 
Ícone de esboço Este artigo sobre uma aeronave é um esboço relacionado ao Projeto Aviação. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Commons
O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Boeing E-3 Sentry