Bom Jesus da Lapa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para a devoção, veja Bom Jesus da Lapa (devoção católica).
Município de Bom Jesus da Lapa
"Capital Baiana da Fé"
Centro de Bom Jesus da Lapa, em 2006.

Centro de Bom Jesus da Lapa, em 2006.
Bandeira de Bom Jesus da Lapa
Brasão de Bom Jesus da Lapa
Bandeira Brasão
Hino
Aniversário 31 de agosto
Fundação 1923 (93 anos)
Gentílico lapense
Lema A capital baiana da fé e da fruta: quem chega a estas paragens jamais a esquece.
Prefeito(a) Eures Ribeiro Pereira (PV)
(2013–2016)
Localização
Localização de Bom Jesus da Lapa
Localização de Bom Jesus da Lapa na Bahia
Bom Jesus da Lapa está localizado em: Brasil
Bom Jesus da Lapa
Localização de Bom Jesus da Lapa no Brasil
13° 15' 18" S 43° 25' 04" O13° 15' 18" S 43° 25' 04" O
Unidade federativa Bahia Bahia
Mesorregião Vale São-Franciscano da Bahia IBGE/2008[1]
Microrregião Bom Jesus da Lapa IBGE/2008[1]
Municípios limítrofes Riacho de Santana, Paratinga, Serra do Ramalho, Sítio do Mato, Malhada e Macaúbas.
Distância até a capital 796 km
Características geográficas
Área 3 951,425 km² [2]
População 69 526 hab. Estimativa IBGE/2015[3]
Densidade 17,6 hab./km²
Altitude 483,82 metros m
Clima semiárido BSh
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,633 médio PNUD/2010[4]
PIB R$ 326 744,758 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 7,612 72 IBGE/2012[5]
Página oficial

Bom Jesus da Lapa é um município brasileiro do estado da Bahia, situado a 796 km da capital estadual. A estimativa de sua população é de 69.526 habitantes conforme dados do IBGE em 2015. Sendo portanto, o 30° maior município da Bahia. Possui uma área total de 4148,5 km² e é banhada pelo rio São Francisco.

O grande diferencial entre Bom Jesus da Lapa e as outras cidades da região é o morro em estilo gótico e suas grutas que lhe conferem um clima místico e diferenciado.

História:[editar | editar código-fonte]

A Lapa é uma região que fazia parte da sesmaria do Conde da Ponte, Antônio Guedes de Brito, quando Francisco de Mendonça Mar, peregrino para uns, andarilho para outros, descobriu um morro à margem direita do Rio São Francisco, em 1691. Nas redondezas do lugar existiam apenas alguns currais de gado e empregados de Antônio Guedes. O monge, como mais tarde ficou conhecido, tinha por esse tempo uns trinta anos. Distribuiu os seus bens, fez-se pobre, andou pelo sertão vestido de um grosso burel e carregando uma imagem do Bom Jesus.

Caminhou cerca de duzentas léguas por entre tribos de índios, esteve exposto aos perigos das onças e outros animais selvagens que abundavam nas florestas virgens do sertão.

Em 1691, Francisco de Mendonça Mar descobre o morro que viria a ser o Bom Jesus da Lapa. Numa de suas inúmeras grutas, começa uma vida de eremita, devoto do Jesus e de Maria da Soledade.

A cidade começou sua existência à sombra do Santuário do Bom Jesus. Na data em que o Monge chegou a este lugar, havia entre o morro e o rio São Francisco apenas algumas palhoças de índios Tapuias. Mas, com o tempo, foram agregando-se devotos que resolveram fazer sua moradia perto do lugar, onde se achava a imagem do Bom Jesus. O Monge construiu junto ao Santuário, um hospital e um asilo para os pobres e doentes, dos quais cuidava. Assim começou a crescer ao lado da lapa do Bom Jesus um povoado, assumindo o mesmo nome de Bom Jesus da Lapa.

Graças às constantes peregrinações que se transformaram em grandes e permanentes romarias de fiéis ao Santuário do Senhor Bom Jesus, o povoado foi se desenvolvendo, transformando-se em vila em 1870, atingindo a categoria de cidade em 1923 e chegando a ser município em 1953.

Geografia:[editar | editar código-fonte]

O município está situado na região centro-oeste do estado da Bahia, na Zona Fisiográfica do Médio São Francisco, com o seu território totalmente abrangido pelo polígono das secas. Limita-se com: Paratinga, Riacho de Santana, Sítio do Mato, Malhada e Serra do Ramalho.[6]

Por entre uma vasta planície do sertão da Bahia, na microrregião do Médio São Francisco, à sua margem direita, encontra-se um grande e imponente bloco de granito e calcário com diversas grutas e fendas estreitas. É o morro da Lapa. Localizado no perímetro urbano da sede com 93 metros de altura, 400 metros de largura e aproximadamente 1.000 metros de extensão, o morro e suas grutas se constituem na principal atração da cidade. O território do município é quase todo plano, surgindo, de vez em quando, no meio das planícies ou tabuleiros alguns montes, de feições típicas, muito interessantes. O principal deles é o morro da Lapa, com suas inúmeras grutas. Os picos dominantes nos morros do Lajedo e no da Cara Suja. Entre as montanhas citam-se as da Cara Suja, da Jiboia, da Cascavel e do Morrão.

O principal rio é o Rio São Francisco que percorre mais ou menos 70 km dentro do município, tempos atrás, inteiramente navegáveis. O Rio Corrente, o Rio das Rãs e o Santana são os seus principais afluentes no município. Outros cursos de água existentes são os riachos da Pedra Branca, e da Santa Rita. Existem ainda as lagoas das Piranhas,lagoa da Lapa, lagoa dos Campos, Lagoa da Batalha, Lagoa da Moita e a Itaberaba. Além dessas, há inúmeras ilhas como: a Ilha da Cana Brava, Ilha do Medo, Ilha do Fogo e a Ilha da Mariquinha no rio São Francisco, de jurisdição municipal.[6]

Bairros:[editar | editar código-fonte]

Os bairros de Bom Jesus da Lapa são: Centro, Amaralina, Barrinha, Beira Rio, Cavalhadas, João Paulo II, Jurema, Guarani, Lagoa Grande, Loteamento Mirante da Lapa, Loteamento Nova Lapa, Loteamento São Conrado, Magalhães Neto, Maravilhas I e II, Maribondo, Nova Brasília, Nova Jerusalém (Campinhos), Parque Verde, Residenciais Primaveras I e II, Residencial B. J. da Lapa, Salinas, São Gotardo, São João, São Miguel, Senhora da Soledade, Shangri-lá, Vila Nova e Residencial Vale Verde

Comunidades quilombolas:[editar | editar código-fonte]

No município de Bom Jesus da Lapa várias comunidades dentre elas muitas comunidades quilombolas. Dentre elas as que mais se destacam são: Comunidade Rio das Rãs, Comunidade das Piranhas e a Fazenda Batalha Alagoinhas, Bandeira, Barreira, Batalhinha, Bebedouro, Campo Grande I e II, Capão da Areia, Cariacá/Aracá, Fazenda Batalha, Fazenda Jatobá, Fazenda Volta, Fortaleza, Juá, Lagoa do Peixe, Macaco, Nova Batalhinha, Nova Volta, Patos, Pedras, Peixes, Piranhas, Rio das Rãs, Santa Rita, Mumbuca e Samambaia.[7].

Clima:[editar | editar código-fonte]

Segundo dados do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), desde 1969 a menor temperatura registrada em Bom Jesus da Lapa foi de 8,9 °C em 21 de junho de 1978,[8] e a maior atingiu 41,6 °C em 22 de outubro de 2015.[9] O maior acumulado de precipitação em 24 horas foi de 180,6 mm em 15 de dezembro de 2000. Outros grandes acumulados foram 137 mm em 3 de dezembro de 2011, 102,7 mm em 2 de fevereiro de 1979, 101,4 mm em 18 de janeiro de 2004 e 100,8 mm em 4 de dezembro de 1988.[10] O índice mais baixo de umidade relativa do ar ocorreu nas tardes dos dias 7 de outubro de 1969, 15 de setembro de 1973 e 23 de julho de 1980, de apenas 12

%.[11]

Nuvola apps kweather.svg Dados climatológicos para  Weather-rain-thunderstorm.svg
Mês Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Ano
Temperatura máxima absoluta (°C) 38,8 39,7 38,5 38,6 37,6 36,7 35,9 38,4 40,1 41,6 40,7 39,4 41,6
Temperatura máxima média (°C) 31,6 32 32,1 31,6 31,5 31 30,8 32,6 33,9 33,4 32 31,3 32
Temperatura média (°C) 25,3 25,4 25,3 25,1 24,5 23,1 23 24,4 26,2 26,4 25,4 25 24,9
Temperatura mínima média (°C) 20 20,2 20,3 19,9 18,5 16,7 16,5 16,9 18,7 20,6 20,8 20,5 19,1
Temperatura mínima absoluta (°C) 15 15,8 15,8 14,7 13,2 8,9 10,3 10,1 11,1 11,8 13 12,4 8,9
Precipitação (mm) 146,5 114,7 87,5 71,4 15,9 1,6 0 3,5 12,8 88,5 157,6 190,5 890,5
Umidade relativa (%) 70,5 69,6 69,6 70,2 61,8 57,1 52,1 46,4 46,2 55,6 66,6 73 61,6
Horas de sol 209 220,7 235,5 230,9 265,5 256,8 274,2 278,6 240,5 214,9 190,7 192,4 2 809,7
Fonte: Instituto Nacional de Meteorologia (normal climatológica de 1961-1990;[12][13][14][15][16][17][18] recordes de temperatura a partir de 1969).[8][9]

Economia[editar | editar código-fonte]

Suas atividades econômicas estão baseadas na agricultura, comércio, turismo e pesca. A cidade de Bom Jesus da Lapa concentra a segunda maior festa religiosa católica do Brasil, no mês de agosto, conhecida como a procissão ou romaria do Bom Jesus em que atrai milhares de fiéis todos os anos, por este motivo é conhecida como a “Capital Baiana da Fé”. O município também possui a segunda maior produção de bananas do Brasil.

Agricultura:[editar | editar código-fonte]

Projeto Formoso[editar | editar código-fonte]

O Projeto Formoso, que é de grande importância para a agricultura e umas da principais fontes de emprego e renda para as cidades de Bom Jesus da Lapa, Serra do Ramalho e Sítio do Mato, é um perímetro com infraestrutura direcionada para a agricultura irrigada formado por dois setores, Formoso A e Formoso H, constando de 02 estações de bombeamento principal, 29 estações de bombeamento secundárias, 82.72 quilômetros de canais de concreto a céu aberto, 288,82 quilômetros de estradas e 119,89 quilômetros de drenos. São cerca 1.165 lotes irrigados em uma área de 12 mil ha. [19] [20] O Perímetro Irrigado Formoso foi implantado pelo Governo Federal, por meio da CODEVASF, entre os anos 1980 e 1990, as margens do Rio Corrente, no município de Bom Jesus da Lapa, em uma área bruta total de 19. 500 hectares, sendo 12.100 hectares de área irrigável, voltado para o desenvolvimento agropecuário da região.[19] [20] O Projeto Formoso é o maior produtor de banana da Bahia e o segundo maior do País e devido ao destaque na região no cultivo de outras frutas como o mamão, a manga, a melancia, dentre outros.

Comércio[editar | editar código-fonte]

Dados da Secretaria Municipal do Turismo indicam que o comércio de produtos religiosos movimenta R$ 8 milhões todos os anos. Bom Jesus da Lapa conta com 5 mil leitos em 200 estabelecimentos. A venda de souvenires como imagens sacras, camisetas, velas, crucifixos, canecas e chapéus representa uma boa fatia da receita do município. Embora o caráter religioso domine o município, à noite local também oferece muita diversão com diversos de bares, restaurantes e pizzarias, sendo praça Marechal Deodoro é o principal ponto de encontro de Bom Jesus da Lapa. Entre os atrativos estão o churrasco no espetinho, o chope gelado ao som dos clássicos da MPB, do chorinho e dos sucessos da axé music e do forró também empolgam a multidão, que ocupa as cadeiras espalhadas pela rua.[21] Há também, afastado do centro, alguns bares com maior requinte e menos badalados como: Alípio's Bar, Tokyo sushi, Felicíssima gourmet, Dona rosa Pizzaria, Rei do Beirute e o Rei da picanha. A maioria deles situados na avenida Argenor Magalhães.

Turismo[editar | editar código-fonte]

Panorâmico da coroa

A cidade de Bom Jesus da Lapa abriga diversos pontos turísticos, como:

  • Passeio turístico de lancha pelo rio São Francisco, passando debaixo da ponte Gercino Coelho, a Barrinha (lado oposto do Rio) onde se pode descer e saborear um delicioso peixe frito com uma vista deslumbrante e panorâmica do Rio São Francisco. Também se pode tomar um banho às margens do rio.[22]
  • Gruta do Bom Jesus e a de Nsª. da Soledade e demais grutas que se encontram entranhadas no morro. Durante o período de romaria, missas são realizadas todos os dias em todos os turnos. Logo na porta, se pode encontrar inúmeras barraquinhas com diversos artigos religiosos.
  • Subir o morro da Lapa. Entretanto, há dois caminhos, embora ambos dão acesso ao topo do morro, onde se encontra o cruzeiro e estátuas de tamanho natural relatando a última estação da Via Cruzes. Mas esse trajeto é apenas aconselhável a pessoas que tem boas condições físicas, pois o caminho do morro é extenso e um pouco cansativo devido às pedras irregulares e lisas.
  • Assistir ao pôr do sol: com rajadas de cores diversas, proporciona uma bonita vista da natureza e da bênção Divina. Neste momento da Ave-Maria, o Santuário do Bom Jesus costuma ecoar a música de Gounod ou Schubert em homenagem à Maria, mãe de Jesus Cristo.[23]
Pôr do sol à margem do Velho Chico.
  • Rapel e tirolesa na Ponte Gercino Coelho sobre o Rio São Francisco
  • Hotel Fazenda e Balneário às margens do Rio Corrente [24]
  • Escalada no Morro [25]

Turismo religioso[editar | editar código-fonte]

Ainda hoje a crença Católica é muito forte na cidade e isso se reflete nas inúmeras igrejas espalhadas por todos os bairros. Os festejos do Bom Jesus da Lapa no Santuário com um tema a cada ano leva muitas pessoas à cidade.[26][27]

Infraestrutura[editar | editar código-fonte]

Transporte[editar | editar código-fonte]

Ponte de entrada para a cidade de Bom Jesus da Lapa.

A cidade de Bom Jesus da Lapa oferece transporte tanto aeroportuário quanto rodoviário. A cidade contém uma rodoviária e um aeroporto, ambos são de pequenos portes. A Viação Novo Horizonte, Viação Gontijo, Viação São Geraldo, Viação Central Bahia e Viação Real Expresso fazem linhas intermunicipais e interestaduais. Ao geral, a rodoviária conta com linhas para o estado de Goiás, Distrito Federal, Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais e Bahia.

O Aeroporto de Bom Jesus da Lapa está localizado próximo à rodoviária, há uma distância equivalente a 300m. No passado; VARIG, Nordeste, Real Aerovias, entre outras, voaram para esta cidade. Hoje, nenhum voo comercial atende a localidade e apenas alguns voos particulares movimentam o aeroporto. Tem capacidade para decolagens e aterrissagens de aviões de pequeno e médio porte, como por exemplo: monomotores e EMB 110 Bandeirantes. Há uma proposta para a construção de um novo aeroporto em uma outra área. Este terá estrutura para aviões de grande e médio porte, como os Embraer 190 e ATR72.

Educação[editar | editar código-fonte]

Bom Jesus da Lapa dispõe de alguns dos Campi de Universidades públicas sendo elas : da Universidade do Estado da Bahia-UNEB com os cursos de Bacharelado em Administração e Licenciatura em Pedagogia, da Universidade Federal do Oeste da Bahia-UFOB com os cursos de Engenharia Mecânica e Engenharia Elétrica e do Instituto Federal Baiano-IF Baiano com os cursos: Técnico em Informática, Técnico em Agricultura, Bacharelado em Engenharia Agronômica, Especialização em Inovação Social e Aperfeiçoamento em Educação no Campo. Bom Jesus da Lapa também dispõe de algumas universidades privadas de ensino à distância como a Universidade do Norte do Paraná-UNOPAR, Faculdade de Ciências e Tecnologia-FTC, Universidade Aberta do Brasil, Universidade Paulista-UNIP, bem como a Plataforma Freire dentre outras.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008. 
  2. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 dez. 2010. 
  3. «Censo Populacional 2010» (PDF). Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010. 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil» (PDF). Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2010. Consultado em 11 de agosto de 2013. 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 dez. 2010. 
  6. a b «Histórico do Município». IBGE. Consultado em 30 de agosto de 2015. 
  7. «Levantamento de Comunidades Quilombolas» (PDF). MDS. Consultado em 30 de agosto de 2015. 
  8. a b «BDMEP - Série Histórica - Dados Diários - Temperatura Mínima (°C) - Bom Jesus da Lapa». Banco de Dados Meteorológicos para Ensino e Pesquisa. Instituto Nacional de Meteorologia. Consultado em 23 de dezembro de 2015. 
  9. a b «BDMEP - Série Histórica - Dados Diários - Temperatura Máxima (°C) - Bom Jesus da Lapa». Banco de Dados Meteorológicos para Ensino e Pesquisa. Instituto Nacional de Meteorologia. Consultado em 23 de dezembro de 2015. 
  10. «BDMEP - Série Histórica - Dados Diários - Precipitação (mm) - Bom Jesus da Lapa». Banco de Dados Meteorológicos para Ensino e Pesquisa. Instituto Nacional de Meteorologia. Consultado em 23 de dezembro de 2015. 
  11. «BDMEP - Série Histórica - Dados Horários - Umidade Relativa (%) - Bom Jesus da Lapa». Banco de Dados Meteorológicos para Ensino e Pesquisa. Instituto Nacional de Meteorologia. Consultado em 23 de dezembro de 2015. 
  12. «Temperatura Média Compensada (°C)». Instituto Nacional de Meteorologia. 1961-1990. Arquivado desde o original em 4 de maio de 2014. Consultado em 8 de maio de 2014. 
  13. «Temperatura Máxima (°C)». Instituto Nacional de Meteorologia. 1961-1990. Arquivado desde o original em 4 de maio de 2014. Consultado em 8 de maio de 2014. 
  14. «Temperatura Mínima (°C)». Instituto Nacional de Meteorologia. 1961-1990. Arquivado desde o original em 4 de maio de 2014. Consultado em 8 de maio de 2014. 
  15. «Precipitação Acumulada Mensal e Anual (mm)». Instituto Nacional de Meteorologia. 1961-1990. Arquivado desde o original em 4 de maio de 2014. Consultado em 8 de maio de 2014. 
  16. «Número de Dias com Precipitação Maior ou Igual a 1 mm (dias)». Instituto Nacional de Meteorologia. Arquivado desde o original em 4 de maio de 2014. Consultado em 8 de maio de 2014. 
  17. «Insolação Total (horas)». Instituto Nacional de Meteorologia. Arquivado desde o original em 4 de maio de 2014. Consultado em 8 de maio de 2014. 
  18. «Umidade Relativa do Ar Média Compensada (%)». Instituto Nacional de Meteorologia. Arquivado desde o original em 4 de maio de 2014. Consultado em 8 de maio de 2014. 
  19. a b «O Projeto Formoso». Distrito de Irrigação Formoso-DIF. Consultado em 26 de março de 2014. 
  20. a b «Projeto Formoso, Bom Jesus da Lapa-BA». Distrito de Irrigação Formoso-DIF. Consultado em 26 de março de 2014. 
  21. «Bom Jesus da Lapa». Bom Jesus da Lapa. Consultado em 30 de agosto de 2015. 
  22. «Passeio de Barco no Rio São Francisco». centraldalapa.com.br. Consultado em 31 de agosto de 2015. 
  23. Bom Jesus da Lapa, Bom Jesus da Lapa, seus pontos turísticos e principais festas.
  24. Lazer em Bom Jesus da Lapa, Balneário e Hotel Fazenda
  25. Escalada no morro de Bom Jesus da Lapa, Escalada no Morro da Lapa
  26. Turismo religioso leva 400 mil pessoas para Bom Jesus da Lapa, acessado em 1 de agosto de 2014.
  27. Festa do Bom Jesus da Lapa deve atrair 400 mil pessoas até 06 de agosto , acessado em 1 de agosto de 2014.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Bom Jesus da Lapa