Bon Appétit

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
"Bon Appétit"
Single de Katy Perry com a participação de Migos
do álbum Witness
Lançamento 28 de abril de 2017 (2017-04-28)
Formato(s) Download digital
Gênero(s) Dance-pop, trap-pop
Duração 3:47
Gravadora(s) Capitol
Composição Katy Perry, Max Martin, Quavious Marshall, Kirshnik Ball, Ciari Cephus, Shellback, Oscar Holter, Ferras Alqaisi
Produção Max Martin, Shellback, Oscar Holter
Cronologia de singles de Katy Perry
"Chained to the Rhythm"
(2017)
"Swish Swish"
(2017)
Cronologia de singles de Migos
"Peek a Boo"
(2017)
"Body"
(2017)
Amostra de áudio
informação do ficheiro · ajuda

"Bon Appétit" é uma canção da artista musical estadunidense Katy Perry, gravada para o seu quinto álbum de estúdio Witness (2017). Conta com a participação do grupo de hip hop Migos, e foi composta por Perry e o trio em conjunto com Ferras Alqasi, Max Martin, Shellback e Oscar Holter, sendo produzida pelos três últimos. O seu lançamento como o segundo single do disco ocorreu em 28 de abril de 2017, através da Capitol Records.[1]

Composição[editar | editar código-fonte]

Com duração de três minutos e quarenta e sete segundos (3:47),[2] "Bon Appétit" é uma canção dance-pop e trap-pop com influências disco, produzida por Max Martin, Shellback e Oscar Holter.[3][4] Hugh McIntyre, da Forbes, afirmou que a faixa apresenta uma atmosfera dos anos 90, embalada por uma batida que cresce gradualmente.[5] Em entrevista no tapete vermelho do Grammy Awards de 2017, Perry descreveu a faixa como "bastante sexual". Mais tarde, durante sua participação no The Tonight Show Starring Jimmy Fallon, a cantora afirmou que "Bon Appétit" representa "liberação sexual".[6]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Crítica profissional[editar | editar código-fonte]

Nolan Feeney, da Entertainment Weekly, escreveu que Perry "está de volta às batidas festivas, estúpidas e divertidas sem nem ao menos tentar ser sutil ao amontoar o máximo de metáforas sexuais possível em três minutos e meio. Em outras palavras, o tipo de canções nos quais ela se sai melhor". Feeney ainda acrescentou: "O ponto fraco de 'Bon Appétit' é o clímax. Quando o refrão surge depois do primeiro verso, parece estar faltando algo. Demora mais de dois minutos para a canção chegar onde deveria chegar. No entanto, quando a música finalmente acontece, vale a pena dar uma segunda chance".[7] Jamie Milton, da NME, afirmou que "Bon Appétit" é uma "receita para o sucesso", "extremamente confiante e viciante", e elogiou a participação do trio Migos, "que torna qualquer faixa ainda melhor".[8] Hugh McIntyre, da Forbes, descreveu-a como "música pop de qualidade", com potencial para ser um sucesso.[5] Para Chris Willman, da Variety, a faixa apresenta uma linha tênue entre a audácia hilariante e o risível, com uma letra que faz de Perry a "primeira artista na memória recente a invocar a semiótica do diabetes a serviço de uma sedução". Willman disse ainda que "com uma formidável equipe envolvida [na produção], você pode se perguntar por que aqui não há um gancho musical tão forte, algo pelos quais eles são famosos. Mas provavelmente estão guardando algo melhor para faixas que não precisem ceder espaço para raps, ou que são projetadas para ter uma vida útil superior a um produto erótico comestível".[9]

Em uma crítica negativa, Jayme Deerwester, do jornal USA Today, afirmou que a produção da faixa "não apresenta substância e é insatisfatória".[10] Anna Gacca, da Spin, disse que a canção tem poucos atrativos e apresenta "referências muito pouco codificadas à vagina de Katy Perry, o que é desconfortável".[11] Isha Aran, da Fusion, criticou fortemente a letra e a produção de "Bon Appétit", mas considerou o single melhor do que o seu anterior, afirmando que embora "não possa dizer que a canção seja ótima (...), ela é quase um alívio — muito menos estranha do que a 'Katy consciente'", em referência ao conteúdo político de "Chained to the Rhythm", e acrescentou: "Essa é a Katy que conhecemos e adoramos, a rainha do pop que se junta com grandes nomes do rap, que literalmente construiu sua carreira servindo-se para o consumo".[12]

Controvérsias[editar | editar código-fonte]

Perry foi criticada pela escolha do trio de hip hop Migos para participar de "Bon Appétit".[13] Em fevereiro de 2017, Quavo, um dos integrantes do grupo, fez afirmações consideradas homofóbicas em uma entrevista concedida à revista Rolling Stone.[14] Por conta disso, ela, que em março de 2017 recebeu uma homenagem do The Human Rights Campaign — maior grupo ativista LGBT dos Estados Unidos —, foi questionada a respeito da escolha do trio para participar de uma canção de sua autoria. Uma possível versão solo da composição foi cogitada para diminuir a controvérsia.[15]

Vídeo musical[editar | editar código-fonte]

O vídeo musical de "Bon Appétit", dirigido por Dent De Cuir, foi lançado em 12 de maio de 2017, e retrata Perry sendo manuseada por chefs de cozinha para ser literalmente servida como refeição. Além do trio Migos, o chef coreano Roy Choi também faz uma participação especial na gravação.[16]

Nolan Feeney, da Entertainment Weekly, afirmou que o vídeo é "cativante" e "tão assustador quanto maluco".[17] Em uma resenha negativa, Brian Josephs, da Spin, escreveu que o vídeo é "muito estranho" e "desconfortável de se assistir".[18]

"Bon Appétit" obteve 16,8 milhões de visualizações durante as suas primeiras 24 horas no YouTube, tornando-se o vídeo de Perry mais assistido no período, superando a marca anteriormente obtida por "Roar".[19]

Faixas e formatos[editar | editar código-fonte]

Download digital[2]
N.º Título Duração
1. "Bon Appétit" (com Migos) 3:47

Desempenho nas tabelas musicais[editar | editar código-fonte]

Posições[editar | editar código-fonte]

Tabela musical (2017) Melhor
posição
 Alemanha (Media Control Charts)[20] 47
 Austrália (ARIA Charts)[21] 35
 Áustria (Ö3 Austria Top 40)[22] 64
 Bélgica (Ultratip de Flandres)[23] 7
 Bélgica (Ultratop 40 da Valônia)[24] 22
 Canadá (Canadian Hot 100)[25] 14
Escócia (The Official Charts Company)[26] 21
 Eslováquia (IFPI Slovenská Republika)[27] 30
Flag of Spain.svg Espanha (Productores de Música de España)[28] 10
 Estados Unidos (Billboard Hot 100)[29] 59
 Estados Unidos (Pop Songs)[30] 38
 Finlândia (IFPI Finlândia)[31] 18
 França (Syndicat National de l'Édition Phonographique)[32] 9
 Irlanda (Irish Recorded Music Association)[33] 42
 Itália (Federazione Industria Musicale Italiana)[34] 48
 Japão (Japan Hot 100)[35] 55
 México (Mexico Inglés Airplay)[36] 19
 Nova Zelândia (NZ Top 10 Heatseekers Singles)[37] 2
 Países Baixos (MegaCharts)[38] 41
 Portugal (Associação Fonográfica Portuguesa)[39] 57
 Reino Unido (UK Singles Chart)[40] 37
 República Checa (IFPI Česká Republika)[41] 38
 Suécia (Sverigetopplistan)[42] 54
Suíça (Schweizer Hitparade)[43] 59

Referências

  1. Gary Trust (26 de maio de 2017). «Hot 100 Chart Moves: Katy Perry's 'Bon Appetit' Re-Enters, But Single Switches to 'Swish Swish'». Billboard (em inglês). Prometheus Global Media. Consultado em 26 de maio de 2017 
  2. a b «Bon Appétit (feat. Migos) - Single by Katy Perry» (em inglês). iTunes. Apple Inc. Consultado em 1 de maio de 2017 
  3. Sasha Geffen (28 de abril de 2017). «Katy Perry's 'Bon Appetit' Isn't About Food At All, Is It» (em inglês). MTV News. Viacom. Consultado em 28 de abril de 2017 
  4. Da'Shan Smith (28 de abril de 2017). «Katy Perry Says 'Bon Appetit' by Handing Out Cherry Pies to Fans in Time Square». Billboard (em inglês). Prometheus Global Media. Consultado em 24 de maio de 2017 
  5. a b Hugh McIntyre (28 de abril de 2017). «Katy Perry Drops Tasty New Single 'Bon Appétit' With Migos» (em inglês). Forbes. Consultado em 24 de maio de 2017 
  6. Nick Romano (20 de maio de 2017). «Katy Perry Expalins Meaning of "Swish Swish", Calls It "Greath Anthem». Entertainment Weekly (em inglês). Time Inc. Consultado em 24 de maio de 2017 
  7. Nolan Feeney (28 de abril de 2017). «Katy Perry's 'Bon Appétit' Is a Stupid-Fun Feast: EW Review». Entertainment Weekly (em inglês). Time Inc. Consultado em 24 de maio de 2017 
  8. «Katy Perry and Migos' sex-obsessed 'Bon Appétit' is a recipe for greatness». NME (em inglês). IPC Media. 28 de abril de 2017. Consultado em 24 de maio de 2017 
  9. Chris Willman (28 de abril de 2017). «Review: Katy Perry's New Single 'Bon Appetit' Serves Up Female Sexuality as a Four-Course Meal». Variety (em inglês). Penske Media Corporation. Consultado em 24 de maio de 2017 
  10. Jayme Deerwester (28 de abril de 2017). «There's to much artificial sweetener in Katy Perry's 'Bon Appetit'». USA Today (em inglês). Gannett Company. Consultado em 24 de maio de 2017 
  11. Anna Gacca (28 de abril de 2017). «Katy Perry and Migos' "Bon Appétit" Is Here to Spoil Your Appetite». Spin (em inglês). Spin Media LLC. Consultado em 24 de maio de 2017 
  12. Isha Aran (28 de abril de 2017). «There Is No Ethical Consumption Under Katy Perry's New Single 'Bon Appétit'» (em inglês). Fusion. Consultado em 24 de maio de 2017 
  13. Heidi Parker (27 de abril de 2017). «Katy Perry's fans voice their anger over 'Bon Appétit'». Daily Mail (em inglês). Daily Mail and General Trust. Consultado em 24 de maio de 2017 
  14. Brian Josephs (8 de fevereiro de 2017). «Migos on Support for iLovemakkonen Coming Out: "This World Is Not Right». Spin (em inglês). Spin Media LLC. Consultado em 24 de maio de 2017 
  15. «Para evitar controvérsia? "Bon Appétit" pode ter versão solo de Katy Perry». POPLine. 27 de abril de 2017. Consultado em 24 de maio de 2017 
  16. Da'Shan Smith (12 de maio de 2017). «Katy Perry Is the Main Course in Eerie New 'Bon Appetit' Video With Migos: Watch». Billboard (em inglês). Prometheus Global Media. Consultado em 24 de maio de 2017 
  17. Nolan Feeney (12 de maio de 2017). «Katy Perry's Bonkers 'Bon Appétit' Video Might Ruin Your Appetite». Time Inc. Entertainment Weekly. Consultado em 24 de maio de 2017 
  18. Brian Josephs (12 de maio de 2017). «Watch Katy Perry's Weird "Bon Appétit" Video». Spin (em inglês). Spin Media LLC. Consultado em 24 de maio de 2017 
  19. Erin Nyren (18 de maio de 2017). «Katy Perry Breaks Her Own YouTube Record With 'Bon Appetit' Music Video Views». Variety (em inglês). Penske Media Corporation. Consultado em 24 de maio de 2017 
  20. «Katy Perry e Migos – Bon Appétit (Media Control Charts)» (em inglês). Media Control Charts. Consultado em 29 de maio de 2017 
  21. «Katy Perry e Migos – Bon Appétit (ARIA Charts)» (em inglês). ARIA Charts. Consultado em 13 de maio de 2017 
  22. «Katy Perry e Migos – Bon Appétit (Ö3 Austria Top 40)» (em inglês). Ö3 Austria Top 40. Consultado em 8 de julho de 2017 
  23. «Katy Perry e Migos – Bon Appétit (Ultratip Flandres)» (em inglês). Ultratip. Consultado em 29 de maio de 2017 
  24. «Katy Perry e Migos – Bon Appétit (Ultratop 40)» (em inglês). Ultratop 40. Consultado em 8 de julho de 2017 
  25. «Katy Perry e Migos – Bon Appétit (Canadian Hot 100)» (em inglês). Canadian Hot 100. Consultado em 23 de maio de 2017 
  26. «Katy Perry e Migos – Bon Appétit (The Official Charts Company)» (em inglês). The Official Charts Company. Consultado em 29 de maio de 2017 
  27. «Katy Perry e Migos – Bon Appétit (IFPI Slovenská Republika)» (em inglês). IFPI Slovenská Republika. Consultado em 13 de maio de 2017 
  28. «Katy Perry e Migos – Bon Appétit (Productores de Música de España)» (em inglês). Productores de Música de España. Consultado em 23 de maio de 2017 
  29. «Katy Perry e Migos – Bon Appétit (Billboard Hot 100)» (em inglês). Billboard Hot 100. Consultado em 23 de maio de 2017 
  30. «Katy Perry e Migos – Bon Appétit (Pop Songs)» (em inglês). Pop Songs. Consultado em 18 de maio de 2017 
  31. «Katy Perry e Migos – Bon Appétit (IFPI Finlândia)» (em inglês). IFPI Finlândia. Consultado em 8 de julho de 2017 
  32. «Katy Perry e Migos – Bon Appétit (Syndicat National de l'Édition Phonographique)» (em inglês). Syndicat National de l'Édition Phonographique. Consultado em 8 de julho de 2017 
  33. «Katy Perry e Migos – Bon Appétit (Irish Recorded Music Association)» (em inglês). Irish Recorded Music Association. Consultado em 29 de maio de 2017 
  34. «Katy Perry e Migos – Bon Appétit (Federazione Industria Musicale Italiana)» (em inglês). Federazione Industria Musicale Italiana. Consultado em 8 de julho de 2017 
  35. «Katy Perry e Migos – Bon Appétit (Japan Hot 100)» (em inglês). Japan Hot 100. Consultado em 8 de julho de 2017 
  36. «Katy Perry e Migos – Bon Appétit (Mexico Inglés Airplay)» (em inglês). Mexico Inglés Airplay. Consultado em 29 de maio de 2017 
  37. «Katy Perry e Migos – Bon Appétit (NZ Top 10 Heatseekers Singles)» (em inglês). NZ Top 10 Heatseekers Singles. Consultado em 14 de maio de 2017 
  38. «Katy Perry e Migos – Bon Appétit (MegaCharts)» (em inglês). MegaCharts. Consultado em 29 de maio de 2017 
  39. «Katy Perry e Migos – Bon Appétit (Associação Fonográfica Portuguesa)» (em inglês). Associação Fonográfica Portuguesa. Consultado em 24 de maio de 2017 
  40. «Katy Perry e Migos – Bon Appétit (UK Singles Chart)» (em inglês). UK Singles Chart. Consultado em 29 de maio de 2017 
  41. «Katy Perry e Migos – Bon Appétit (IFPI Česká Republika)» (em inglês). IFPI Česká Republika. Consultado em 13 de maio de 2017 
  42. «Katy Perry e Migos – Bon Appétit (Sverigetopplistan)» (em inglês). Sverigetopplistan. Consultado em 24 de maio de 2017 
  43. «Katy Perry e Migos – Bon Appétit (Schweizer Hitparade)» (em inglês). Schweizer Hitparade. Consultado em 13 de maio de 2017